Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/18423
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_AnaAparecidaVieiradeMoura.pdf3,65 MBAdobe PDFView/Open
Title: Sociolinguística e seu lugar nos letramentos acadêmicos de professores do campo
Authors: Moura, Ana Aparecida Vieira de
Orientador(es):: Bortoni-Ricardo, Stella Maris
Assunto:: Sociolingüística - professores - formação
Educação do campo
Comunidades quilombolas
Kalunga (comunidade quilombola brasileira) - Goiás (Estado)
Letramento acadêmico
Issue Date: 3-Jul-2015
Citation: MOURA, Ana Aparecida Vieira de. Sociolinguística e seu lugar nos letramentos acadêmicos de professores do campo. 2015. 270 f., il. Tese (Doutorado em Linguística)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Este trabalho toma a sala de aula como ambiente comunicativo que reivindica a interação como condição para a promoção dos letramentos de professores oriundos do campo e com contexto de diversidade cultural em formação inicial. Adota como orientação teórica os estudos da Sociolinguística Educacional e Interacional (BORTONI-RICARDO, 2004; 2008; 2014) articulados com os Novos Estudos dos Letramentos (STREET, 1995; LEA e STREET, 2006). Parte da premissa de que o processo interativo só obterá sucesso quando as intenções dos falantes forem reconhecidas pelos participantes dos eventos da fala. A pesquisa situa-se no macro contexto da Educação do Campo e no micro contexto da sala de aula no curso de Licenciatura em Educação do Campo – LEdoC, oferecido pela Universidade de Brasília. Tem como objetivo geral investigar as contribuições da Sociolinguística para o desenvolvimento dos letramentos dos professores que atuarão em contextos de diversidade cultural. Os educandos oriundos de comunidades tradicionais quilombolas Kalunga do norte do Estado de Goiás, marcados pela ancestralidade africana, foram os sujeitos participantes da pesquisa. As práticas letradas ocorreram em Oficinas de Letramentos organizadas na LEdoC, com o propósito de dar suporte aos estudantes estimulando a leitura crítica e contextualizada, afirmando o reconhecimento pelos sujeitos de sua identidade cultural. As experiências de produção de textos do gênero acadêmico relacionaram saberes linguísticos vernaculares, produzidos nas comunidades Kalunga, aos conhecimentos científicos da Sociolinguística (conhecimentos sobre as variações linguísticas e registros sobre essas comunidades tradicionais), estabelecendo uma relação profícua entre Sociolinguística e os Novos Estudos do Letramento. A abordagem etnográfica, permeada pela diversidade e complexidade social existente no ambiente pesquisado, permitiu analisar as experiências vivenciadas por esse grupo de educandos. Como contribuição, essa pesquisa aponta para o reconhecimento sociolinguístico que os sujeitos adquirem sobre seu lugar e seu papel social, promovendo a formação de leitores críticos, pesquisadores habilitados a investigar a sua história e de seu povo, ademais de fortalecer o seu fazer pedagógico para transformar a realidade local.
Abstract: This work takes the classroom as a communicative environment in which the interaction is a condition for the promotion of literacies in the repertoire of student-teachers with a culturally diverse background. Its general objective is to investigate the contributions of Sociolinguistics to the development of literacies of teachers who will work in culturally diverse rural contexts. It adopts as theoretical orientation the studies of Educational and Interactional Sociolinguistics (Bortoni-RICARDO, 2004; 2008; 2014) articulated with the New Literacies Studies (STREET, 1995; and LEA STREET, 2006). It is assumed that the interactive process will only be successful when the intentions of the speakers are recognized by the participants of the events of speech. The students participating in this study come from traditional Kalunga communities located in the Northern State of Goiás, Brazil, marked by African ancestry. The literacy practices occurred in the Literacies workshops organized at LEdoC (University of Brasilia), with the purpose of supporting students and encouraging their critical and contextual reading as well as affirming the recognition by the students of their cultural ancestry. The experience of writing academic genres reconciled the students’ vernacular linguistic knowledge of their Kalunga communities with scientific sociolinguistic information (knowledge of the linguistic variations and records of these traditional communities). The ethnographic approach, permeated by diversity and social complexity of the research environment, allowed us to analyse more deeply the experiences of this group of students. As a contribution, this research points to the sociolinguistic recognition of the students about their place and their social role, their formation as critical readers and researchers enabled to investigate their history and their people, in addition to the strengthening of their pedagogical actions, therefore transforming the local reality.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.03.T.18423
Appears in Collections:LIP - Doutorado em Linguística (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/18423/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.