Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/17833
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PhonologicalProcessingIndividuals.pdf775,37 kBAdobe PDFView/Open
ARTIGO_ProcessamentoFonologicoIndivíduos.pdf778,98 kBAdobe PDFView/Open
Title: Phonological processing in individuals with attention deficit hyperactivity disorder
Other Titles: Processamento fonológico em indivíduos com transtorno de déficit de atenção e hiperatividade
Authors: Alves, Luciana Mendonça
Souza, Helma Tamára Vieira de
Souza, Vanessa Oliveira de
Lodi, Débora Fraga
Ferreira, Maria do Carmo Mangelli
Siqueira, Cláudia Machado
Celeste, Letícia Corrêa
Assunto:: Déficit de atenção
Hiperatividade
Aprendizagem cognitiva - crianças
Issue Date: May-2014
Publisher: CEFAC - SAÚDE E EDUCAÇÃO
Citation: ALVES, Luciana Mendonça et al. Phonological processing in individuals with attention deficit hyperactivity disorder, CEFAC Saúde e Educação, São Paulo, v. 16, n.3, p. 874-882, May/Jun. 2014. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/rcefac/v16n3/en_1982-0216-rcefac-16-3- 0874.pdf>. Acesso em: 03 fev. 2015. http://dx.doi.org/10.1590/1982-021620145813.
ALVES, Luciana Mendonça et al. Processamento fonológico em indivíduos com transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade, CEFAC Saúde e Educação, São Paulo, v. 16, n.3, p. 874- 882, May/Jun. 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rcefac/v16n3/1982-0216- rcefac-16-3-0874.pdf >. Acesso em: 03 fev. 2015. http://dx.doi.org/10.1590/1982- 021620145813.
Abstract: Objetivo: analisar e descrever o desempenho das habilidades dos componentes do processamento fonológico nos sujeitos com Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDA/H). Métodos: trata-se de estudo descritivo analítico dos dados de avaliação das habilidades do processamento fonológico de 45 sujeitos, com idade entre 7 e 16 anos, com diagnóstico multiprofissional de TDA/H. Os dados foram obtidos pela análise dos prontuários dos sujeitos avaliados pelo Laboratório de Estudo dos Transtornos de Aprendizagem (LETRA) do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), nos anos de 2008 a 2011. Os resultados analisados incluem a prova de Consciência Fonológica proposta pela bateria de testes BELEC, prova de Nomeação Seriada Rápida (RAN) e Memória Auditiva. Duas variáveis foram consideradas nesta análise: idade e presença ou não de comorbidades associadas. O teste aplicado para caracterização da amostra foi o não paramétrico de Mann Whitney. Resultados: os grupos tendem a se diferenciarem ao se analisar a variável idade, nas provas de consciência fonológica e RAN. Quando a variável comorbidade foi analisada, a consciência fonológica é a mais influenciada pela presença de comorbidades. Na habilidade de memória fonológica, sob a mesma ótica, não houve diferenças entre os grupos. Conclusão: o maior déficit do processamento fonológico foi observado na habilidade de consciência fonológica, segundo as variáveis idade e comorbidade, seguido pela habilidade de acesso ao léxico, na variável idade. Já para a memória de trabalho não houve significância. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Purpose: to analyze e to describe the skills’ performance of the phonological processing components in subjects with Attention Deficit - Hyperactivity Disorder (ADHD). Methods: it is a descriptive analytical study of the evaluation data of the phonological processing skills of 45 subjects, with ages between 7 and 16 years, with a multiprofessional diagnosis of ADHD. All data was obtained from the medical records of the subjects evaluated by the Laboratório de Estudo dos Transtornos de Aprendizagem (LETRA) of Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), between the years of 2008 and 2011. The analyzed results include the Phonological Awareness test, proposed by the battery of tests BELEC, the Rapid Serial Naming (RAN) test and Auditory Memory test. Two variables were considered in this analysis: the age and the presence or absence of associated comorbidities. The test used to the sample characterization was the nonparametric of Mann Whitney. Results: groups tend to differentiate themselves when the age variable is analyzed, on the Phonological Awareness tests and RAN. When the comorbidity variable was analyzed, the Phonological Awareness was more influenced by the presence of comorbidities. On the Auditory Memory skills, by the same light, there were no differences between the groups. Conclusion: the largest deficit in phonological processing was observed in phonological awareness skills, according to the age and comorbidity variables, followed by the lexicon’s access skills, according to the age variable. About the Working Memory, there was no significance.
Licença:: CEFAC - SAÚDE E EDUCAÇÃO - This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Commercial License, which permits unrestricted non-commercial use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited. Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1516-18462014000300874&script=sci_arttext. Acesso em: 09 Fev. 2015.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1982-021620145813
Appears in Collections:FCE-FONO - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/17833/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.