Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/1751
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_JosembergMouraAndrade.pdf841,83 kBAdobe PDFView/Open
Title: Evidências de validade do inventário dos cinco grandes fatores de personalidade para o Brasil
Authors: Andrade, Josemberg Moura de
Orientador(es):: Laros, Jacob Arie
Assunto:: Personalidade
Teste psicológico
Comportamento humano
Issue Date: Dec-2008
Citation: ANDRADE, Josemberg Moura de. Evidências de validade do inventário dos cinco grandes fatores de personalidade para o Brasil. 2008. 169 f., il. Tese (Doutorado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: A presente tese teve como objetivo geral validar o Big Five Inventory (Inventário dos Cinco Grandes Fatores de Personalidade – IGFP-5) para o Brasil. O IGFP-5 é uma medida de auto-relato breve, composta por 44 itens e designada a avaliar dimensões da personalidade baseada no modelo dos Cinco Grandes Fatores da Personalidade. As cinco grandes dimensões avaliadas são: “Abertura”, “Conscienciosidade”, “Extroversão”, “Amabilidade” e “Neuroticismo”. Tal modelo tem apresentado replicabilidade em vários países do mundo, inclusive no Brasil. Os objetivos específicos do estudo foram: (1) realizar análises exploratórias do banco de dados e dos itens do IGFP-5; (2) comparar, a partir de análise fatorial confirmatória, o ajuste de modelos rivais; (3) estimar as propriedades psicométricas dos itens do IGFP-5 e os níveis de traço latente dos sujeitos a partir da Teoria de Resposta ao Item (TRI); (4) avaliar a fidedignidade dos cinco fatores do IGFP-5 a partir da amostra total de respondentes e de subamostras; (5) verificar evidências de validade baseadas na diferenciação de escores dos fatores do IGFP-5 em variáveis sociodemográficas e valores humanos; e (6) comparar as médias dos sujeitos nos fatores do IGFP-5, a partir das macro regiões geográficas brasileiras. A amostra, após a eliminação dos dados ausentes, foi composta por 5.089 respondentes das cinco regiões brasileiras, a maioria do sexo feminino (66,9%) e estudantes do Ensino Superior (79,0%). A partir da análise fatorial confirmatória, verificou-se que o modelo de cinco fatores intercorrelacionados foi o mais adequado. Com base na estimação dos modelos da TRI verificou-se, de forma geral, que os itens do IGFP-5 apresentaram parâmetros psicométricos adequados. Também foram observadas variações regionais em relação aos traços de personalidade. Resultados obtidos neste estudo indicam a validade de construto da versão em Língua Portuguesa do Big Five Inventory para o Brasil. Sugere-se que a utilização do IGFP-5 ocorra principalmente no contexto de pesquisa e triagem psicológica. Por se tratar de uma medida reduzida e de rápida aplicação, ela pode ser facilmente utilizada em estudos transculturais. As limitações do estudo são apresentadas, bem como uma agenda futura de pesquisa. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The main objective of the present dissertation is the validation of the Portuguese-language version of the Big Five Inventory (IGFP-5) for Brazil. The IGFP-5 is a brief self-report inventory, composed of 44 items and developed to assess the personality dimensions based on the Big Five Personality Factors model. The five dimensions that the IGFP-5 aims to assess are: Openness to Experience, Conscientiousness, Extraversion, Agreeableness and Neuroticism. The five factor model has been confirmed in several countries of the world, including Brazil. The specific objectives of this study are: (1) to perform exploratory analyses of the database and of the items of the IGFP-5; (2) to compare the goodness of fit of three rival models using confirmatory factor analysis (CFA); (3) to estimate psychometrical item characteristics of the IGFP-5 and latent trait scores using Item Response Theory; (4) to assess the internal consistency of the factors of the IGFP-5 in the total sample of respondents and in sub groups; (5) to evaluate evidence concerning the validity of the IGFP-5 based on differentiation of its factor scores with sociodemographical and human values variables and, (6) to compare average factor scores of the IGFP-5 between macro Brazilian regions. After the elimination of missing data, the sample of respondents was composed of 5,089 respondents, consisting mainly of female students (66.9%) and higher education students (79.0%). Using CFA it was concluded that the model of five intercorrelated factors was the most appropriate model. The use of Item Response Theory (IRT) showed that the items of the IGFP-5 generally have adequate psychometrical properties. Differences were observed in average latent trait scores between the Brazilian macro regions. Findings obtained in this study support the validity and reliability of the Portuguese-language version of the Big Five Inventory for Brazil. It is suggested that the IGFP-5 should be used mainly in a research context and for preliminary psychological selection. Considering the fact that the IGFP-5 is a brief inventory with a short application time it can easily be used in transcultural studies. The limitations of this study are presented, as well as a future research calendar.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Social e do Trabalho, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações, 2008.
Appears in Collections:PSTO - Doutorado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1751/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.