Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/1687
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_NancyAparecidaCMuniz.pdf2,82 MBAdobe PDFView/Open
Title: O CNPq e sua trajetória de planejamento e gestão em C&T: histórias para não dormir contadas pelos seus técnicos (1975-1995)
Authors: Muniz, Nancy A. Campos
Orientador(es):: Kuyumjian, Marcia de Melo Martins
Assunto:: Ciência e tecnologia - história
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Issue Date: 14-Nov-2008
Citation: MUNIZ, Nancy A Campos. O CNPq e sua trajetória de planejamento e gestão em C&T: histórias para não dormir contadas pelos seus técnicos (1975-1995). 2008. 370 f. Tese (Doutorado em História)-Departamento de História, Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: O objeto de estudo desta tese é a construção da história do planejamento em ciência e tecnologia no CNPq, a partir das representações de seus técnicos, no período compreendido entre 1975-1995. A pesquisa tem por objetivo analisar as representações dos técnicos do CNPq, enquanto formuladores de políticas públicas de ciência e tecnologia, mediante a construção de uma história do planejamento da instituição que a partir de 1974 passa por momentos de inflexão. O estudo se desenvolve através da construção de dois cenários históricos constituídos a partir dos períodos 1975-84, período da ditadura militar e 1985-95, período dos governos civis. Através da comparação entre os cenários, a trajetória do técnico em planejamento do CNPq foi sendo reconstruída, iluminando a história do campo de C&T no Brasil que se entremeia com a história do próprio CNPq. O delineamento dessa trajetória permite a identificação das transformações ocorridas nas representações da importância das atividades de planejamento no setor de C&T bem como nas representações dos técnicos sobre si mesmos e sobre o próprio CNPq. Foram realizadas trinta entrevistas com os sujeitos, a partir da metodologia de história oral que possibilitou a emergência dos seguintes subtemas da pesquisa: tecnocracia, CNPq e comunidade cientifica, espírito de corpo, liberdade de expressão, status e competência técnica, e saber técnico institucional. Assim, a pesquisa procurou identificar as representações dos técnicos segundo as temáticas mais exploradas nas falas, expressas nos subtemas, por meio da análise de discurso. Através do enfoque da história cultural, procuramos demonstrar como uma rede de significados vai sendo construída e desconstruída através da força performática dos discursos governamentais e institucionais, estabelecendo inscrições e apagamentos. Com ancoragem na história do tempo presente e na história cultural, nosso referencial teórico principal é constituído a partir de diálogos com Roger Chartier, Pierre Bourdieu, Le Goff, De Certeau e Castoriadis. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The objective of this thesis is to study the construction of the history of planning in science and technology in CNPq, from the representations of its technicians in the period between 1975 and 1995. The research aims to analyze the representations of CNPq technicians, as formulators of public policies in science and technology, in the face of the construction of a history of planning at the institution which starts going through moments of inflection in 1974. Being based on the history of the present time and also on cultural history, our main theoretical reference is made from dialogues with Roger Chartier, Bourdieu, Le Goff, De Certeau and Castoriadis. The study is developed through the construction of two historical scenarios made up of the periods 1975-84, a period of military dictatorship and 1985-95, a period of civilian governments. By comparing the scenarios, the trajectory of the technician in planning at the CNPq has been being rebuilt, lighting the history of the field of science and technology in Brazil that is overlapped with the history of the CNPq itself. The design of the trajectory allows the identification of changes in the representations of the importance of planning activities in the sector of science and technology as well as in representations of the technicians on themselves and on CNPq itself. Thirty interviews were conducted with the subjects, using the methodology of oral history that has allowed the emergence of the following subthemes of the research: technocracy, CNPq and scientific community, sense of body, freedom of expression, status and technical competence, and institutional technical knowledge. Thus, the study sought to identify the representations of the technicians according to the themes explored in the interviews, expressed in subthemes, by analyzing their speech. Through the focus of cultural history, we try to establish the way a network of meanings is constructed and deconstructed through performance force of governmental and institutional discourses, setting entries and deletions.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, 2008.
Appears in Collections:HIS - Doutorado em História (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1687/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.