Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/15314
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_AndersonMutterTeixeira.pdf797,19 kBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCajueiro, Daniel Oliveira-
dc.contributor.authorTeixeira, Anderson Mutter-
dc.date.accessioned2014-03-11T15:29:48Z-
dc.date.available2014-03-11T15:29:48Z-
dc.date.issued2014-03-11-
dc.date.submitted2013-12-17-
dc.identifier.citationTeixeira, Anderson Mutter. Ensaios em economia comportamental: uma investigação experimental para o marcador biológico 2D:4D. 2013. 165 f., il. Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/15314-
dc.descriptionTese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Economia, 2013.en
dc.description.abstractNos últimos anos inúmeros estudos vêm tentando entender a natureza do comportamento humano adicionando fatores biológicos, em especial a exposição ao hormônio testosterona. Em geral, a exposição ao hormônio testosterona é medido por meio de uma proxy denominada de razão 2D:4D (segundo indicador menor que o anelar). Os estudos apontam que uma menor razão 2D:4D (indicando uma grande exposição ao hormônio testosterona no útero) é um indicativo que muitos traços de personalidade serão desenvolvidos ao longo da vida em especial o de aversão ao risco. Assim a presente tese objetiva investigar a relação entre exposição ao hormônio testosterona e o processo de tomada de decisão em particular investigando sua influencia na myopic loss Aversion (MLA), house-money e ect (HME) e na aversão à ambiguidade. A tese foi desenvolvida por meio da realização de três experimentos. O primeiro experimento examina a relação entre a razão 2D:4D e a MLA, via a replicação do experimento de Gneezy e Potters (1997). Os resultados indicam que: (i) incidência da MLA entre os voluntários do sexo masculino com menor razão 2D:4D, (ii) homens e mulheres com menor razão 2D:4D apostam mais que homens e mulheres com maior razão 2D:4D e (iii) O 2D:4D é um preditor significativo para a diferença de comportamento entre homens e mulheres em relação à hipótese da MLA. O segundo experimento investiga a relação da razão 2D:4D e a (HME). Para isso replicou-se o experimento de Fernandes et.al (2006). Os resultados demonstram que (i) não foi possível confirmar a predominância da HME e da escalation of commitment entre os homens, bem como entre as mulheres, (ii) homens e mulheres investem mais tanto após uma perda como após um ganho no tratamento HME-IR, e (ii) O 2D:4D de forma parcial é um preditor signi cativo para a diferença de comportamento entre homens e mulheres em relação à HME. O terceiro experimento estudou a relação entre o marcador 2D:4D e a aversão à ambiguidade, por meio do experimento de Charness e Gneezy (2010) os resultados indicam que (i) não foi possível confirmar que homens com menor razão 2D:4D comportam-se de forma menos avesso à ambiguidade, (ii) mulheres com menor razão 2D:4D são avessas à ambiguidade e (iii) o 2D:4D não é um preditor significativo para a diferença de comportamento entre homens e mulheres em um ambiente de ambiguidade. Por m, os resultados corroboram para a in uencia da maior exposição ao hormônio testosterona no processo de tomada de decisão dos indivíduos. ______________________________________________________________________________ ABSTRACTen
dc.description.abstractA set of studies has been made over the last years to understand the nature of the human behavior considering biological aspects, especially the levels of testosterone exposure. One way to measure testosterone exposure is made by a proxy variable so called 2D:4D ratio (length of the second and fourth ngers). Results of the studies show that a smaller 2D:4D ratio (suggestive of higher levels of prenatal testosterone ) indicates that some of the personality traits are developed throughout life, especially risk-taking. Considering that discussion, the main aim of the thesis is investigate the relationship between the levels of testosterone exposure and decision-making, analyzing its in uence in myopic loss aversion (MLA), house-money e ect (HME) and ambiguity aversion. To understand that relationship, we consider the application of the experiments. The rst experiment analyze the relationship between 2D:4D ratio and MLA, considering the reapplication of Gneezy e Potters (1997) experiment. The results show: (i) lower 2D:4D ratios in MLA in male research volunteers; (ii) both men and women with lower 2D:4D ratio bet more than both men and women with higher 2D:4D ratio; (iii) 2D:4D is a signi cant indicator to show the di erences between men and women behavior regarding to MLA hypothesis. The second experiment analyze the relationship between the 2D:4D and HME, through the replication of Fernandes et.al (2006) experiment. The results show: (i) it was not possible con rm both HME and escalation of commitment advantage among men, as well as among women; (ii) both men and women with lower 2D:4D ratios invest more when the they lose and when win, considering the HME-IR, and (ii) 2D:4D is a signi cant indicator to show the di erences between men and women behavior regarding to HME. The third experiment studied the relationship between 2D:4D and ambiguity aversion, through Charness e Gneezy (2010) experiment. The results show: (i) it was not possible con rm that men with lower 2D:4D ratios have less ambiguity aversion; (ii) women with lower 2D:4D ratios have ambiguity aversion; and (iii) 2D:4D it is not a signi cant indicator to show the di erences between men and women behavior in an ambiguity environment. At least, the results show that there is a relevant in uence of testosterone exposure in the individual making-decision.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleEnsaios em economia comportamental : uma investigação experimental para o marcador biológico 2D:4Den
dc.typeTeseen
dc.subject.keywordEconomiaen
dc.subject.keywordComportamento humanoen
dc.subject.keywordAvaliação de riscosen
dc.subject.keywordAndrógenosen
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.en
Appears in Collections:ECO - Doutorado em Economia (Teses)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/15314/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.