Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/14451
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_ThaísBranquinhoOliveiraFragelli.pdf1,09 MBAdobe PDFView/Open
Title: Análise das competências profissionais no núcleo de apoio à saúde da família
Other Titles: Analysis of the professional competences in centers support for family health
Authors: Fragelli, Thaís Branquinho Oliveira
Orientador(es):: Shimizu, Helena Eri
Assunto:: Pessoal da área médica
Competência clínica
Saúde pública - Brasil
Issue Date: 30-Oct-2013
Citation: FRAGELLI, Thaís Branquinho Oliveira. Análise das competências profissionais no núcleo de apoio à saúde da família. 2013. 176 f., il. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2013.
Abstract: Os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) foram criados pela Portaria GM nº 154/2008 com a proposta de inserir profissionais, de diferentes áreas do conhecimento, com o objetivo de ampliar a capacidade da atenção básica, segundo as diretrizes da Atenção Primária à Saúde. Objetivos: O objetivo geral foi investigar as competências profissionais construídas no processo de trabalho do NASF e, como objetivos específicos: 1) identificar as competências construídas no âmbito do processo de trabalho do NASF; 2) analisar a importância e viabilidade das competências identificadas; 3) verificar as competências consensuais e não consensuais; 4) compreender as dificuldades para operacionalização das competências identificadas. Métodos: O estudo foi realizado em três etapas. Na primeira etapa, foi realizado um estudo exploratório com 13 gestores (apoiadores institucionais), 42 profissionais e 11 docentes. Foi aplicado questionário com perguntas abertas, por meio da internet, onde foi solicitado que cada participante indicasse as competências necessárias para a atuação no NASF. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo, onde foram identificadas oito competências: 1) realizar diagnóstico da comunidade; 2) trabalhar de modo colaborativo; 3) organizar o cuidado; 4) planejar as ações à comunidade; 5) desenvolver ações intersetoriais; 6) fortalecer políticas públicas; 7) desenvolver ações educativas; e, 8) atuar com diferentes coletividades. Na segunda etapa, foi utilizado o método Delphi de Políticas, adaptado para este estudo, com 75 painelistas (51 profissionais do NASF, 12 gestores - apoiadores institucionais - e 12 docentes), por meio da internet, em duas rodadas, onde foram aplicados questionários com questões fechadas, tipo Likert, com análise da importância e da viabilidade das competências identificadas na primeira etapa, também foi disponibilizado um campo para justificativas das respostas. Os resultados foram analisados seguindo os critérios de De Loe e IQR. Nessa etapa, foram confirmadas as competências encontradas na primeira etapa, por meio da análise do critério de importância. Na análise do critério de viabilidade das habilidades que compõe as competências, foram detectados vários entraves para a operacionalização dessas, dentre os quais destacou-se: 1) articular os níveis de atenção primária, secundária e terciária; 2) realizar o diagnóstico da comunidade baseado na epidemiologia; 3) planejar ações que promovam mudanças em conjunto com a comunidade; 4) avaliar os resultados das ações de saúde; 5) estabelecer estratégias para facilitar o acesso à rede de atenção; 6) reduzir as barreiras setoriais; 7) desenvolver negociação com outros setores; e, 8) ter formação política. Na terceira etapa, foi realizada uma análise de conteúdo das justificativas dos participantes relacionadas aos dissensos encontrados no estudo Delphi de Política. Aqui, foi possível compreender melhor as dificuldades encontradas, pelos participantes, para operacionalização das habilidades que compõe as competências. Conclusão: O perfil de competências encontrado no presente estudo, evidencia um avanço nas práticas do NASF enfrentando, porém, obstáculos entre os quais se destaca que o processo de trabalho não está estruturado dentro do apoio matricial. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The Centers Support for Family Health (CSFH) was created by Executive Order 154/2008 with the proposal to add professionals from different areas of knowledge, with the aim of expanding the capacity of primary care, according to the guidelines of Primary Health Care. Objectives: The general objective was to investigate the professional competences built in the CSFH‟s working process, and specific objectives: 1) to identify the competences built in the CSFH‟s working process; 2) to analyze the importance and feasibility of competences identified; 3) to check the consensual and non-consensual competences; 4) to understand the difficulties in operationalizing the competencies identified. Methods: The study was conducted in three steps. In the first step, an exploratory study was conducted with 13 managers (institutional supporters), 42 professionals and 11 professors. A questionnaire was applied, with open questions, through the internet, where each participant was asked to indicate the necessary CSFH‟s competences. The data were subjected to content analysis, which identified eight competencies: 1) to conduct community diagnosis; 2) to work collaboratively; 3) to organize care; 4) to plan the actions to the community; 5) to develop intersectoral action; 6 ) to strength public policies; 7) to develop educational activities; 8) to work with different communities. In the second step, It used the Policy Delphi method, adapted for this study, with 75 panellists (51 NASF professionals, 12 managers - institutional supporters- and 12 professors), through the internet, in two rounds, which questionnaires were applied with closed Likert questions, with analysis of the importance and feasibility of competences identified in the first step, and it was made available a field justifications for the answers. The results were analyzed according to the criteria of De Loe and IQR. In this step, it were confirmed the competences identified in the first step, through an analysis of the importance criterion. In the analysis of the viability, various obstacles were detected for the operationalization of these competencies: 1) to articulate the levels of primary, secondary and tertiary; 2) to make a diagnosis of community-based epidemiology; 3) to plan actions that promote changes in conjunction with the community; 4) to evaluate the results of health programs; 5) to establish strategies to facilitate access to care network; 6) to reduce sectoral barriers; 6) to develop negotiation with other sectors; 7) to have training policy. In the third step, it performed a content analysis of the motivations of the participants related to the dissent found in the Policy Delphi. Here, it was possible to better understand the difficulties encountered by the participants, for operationalization of the skills. Conclusion: The competences‟ profile found in this study shows an improvement of CSFH facing, however, some obstacles among which stands out the work process is not structured within the matrix support.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2013.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PPGCS - Doutorado em Ciências da Saúde (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/14451/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.