Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/13126
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_ProcessoTrabalhoEstrategia.pdf114,84 kBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorShimizu, Helena Eri-
dc.contributor.authorCarvalho Júnior, Daniel Alvão de-
dc.date.accessioned2013-05-17T11:38:12Z-
dc.date.available2013-05-17T11:38:12Z-
dc.date.issued2012-09-
dc.identifier.citationSHIMIZU, Helena Eri; CARVALHO JÚNIOR, Daniel Alvão de. O processo de trabalho na Estratégia Saúde da Família e suas repercussões no processo saúde-doença. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n. 9, set. 2012. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232012000900021&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 16 maio 2013. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000900021.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/13126-
dc.description.abstractEste estudo analisa a percepção dos trabalhadores da Estratégia Saúde da Família do Distrito Federal (ESF-DF) acerca de seu processo de trabalho e suas repercussões no processo saúde-doença. Pesquisa descritivo-transversal realizada com 243 trabalhadores da ESF-DF, sendo 139 agentes comunitários de saúde, 47 auxiliares de enfermagem, 41 enfermeiros e 11 médicos. Foram utilizadas quatro escalas (Avaliação do Contexto de Trabalho; Custo Humano no Trabalho; Sofrimento e Prazer, do Inventário de Trabalho e Riscos de Adoecimento), validadas previamente. Evidencia-se um modo de gestão do processo de trabalho taylorizado, caracterizado pela divisão de trabalho entre formuladores e executores, pela repetição das tarefas, pela fiscalização de desempenho e pela fragilidade da comunicação formal entre os diferentes níveis hierárquicos. Esses fatores têm dificultado o processo de renormatização do processo de trabalho, por meio da confrontação das normas preexistentes e a realidade objetiva e subjetiva. Conclui-se que o processo de trabalho taylorizado, as precárias condições de trabalho e as exigências específicas dos cuidados das famílias e das comunidades em seu território provocam desgastes intensos, que apontam a necessidade de aprimoramento da sua gestão.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.publisherABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletivaen
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleO processo de trabalho na Estratégia Saúde da Família e suas repercussões no processo saúde-doençaen
dc.title.alternativeThe working process in the Family Health Strategy and its repercussions on the health-disease processen
dc.typeArtigoen
dc.subject.keywordSaúde da famíliaen
dc.subject.keywordAtenção primária à saúdeen
dc.subject.keywordPessoal da área médicaen
dc.rights.licenseCiência & Saúde Coletiva - Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&pid=1413-8123&lng=pt&nrm=iso. Acesso em: 16 maio 2013.en
dc.identifier.doihttp://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000900021en
dc.description.abstract1This study analyzes the perceptions that health workers engaged in the Family Heath Strategy (FHS) of the Federal District (FD) have of their own work process and its repercussions on the health-illness process. It is a cross-sectional descriptive survey carried out with a sample of 243 FHS/FD workers: 139 community health agents, 47 nursing assistants, 41 nurses, and 11 doctors. Four previously validated scales were used (Evaluation of Work Context, Human Cost at Work, Pain and Pleasure, Work Inventory and Risk of illness). The results revealed a highly Taylorised type of work process management typified by a sharp work distinction between formulators and performers, highly repetitive work tasks, performance supervision and very weak formal communication between the various hierarchical levels. These factors have seriously impaired the re-regulation of the work process by confronting current objective and subjective realities with pre-existing norms. In conclusion, the Taylorised work processes, the precarious working conditions and the specific difficulties associated with providing care to families and communities in their own territories are highly stressful and debilitating and underscore the need for improved management of the respective work processes.-
Appears in Collections:DSC - Artigos publicados em periódicos e preprints

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/13126/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.