Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/12635
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_ConsentimentoLivreEsclarecido.pdf48,74 kBAdobe PDFView/Open
Title: Consentimento livre e esclarecido em odontologia nos hospitais públicos do Distrito Federal
Other Titles: Informed consent for dentistry in public hospitals, Federal District, Brazil
Authors: Maluf, Fabiano
Carvalho, Gilberto Paiva de
Diniz Júnior, José Caubi
Bugarin Júnior, João Geraldo
Garrafa, Volnei
Assunto:: Processo decisório
Bioética
Autonomia
Odontologia
Issue Date: 2007
Publisher: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Citation: MALUF, Fabiano et al. Consentimento livre e esclarecido em odontologia nos hospitais públicos do Distrito Federal. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v.12, n.6, p.1737-1746, Nov./Dez. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/csc/v12n6/v12n6a32.pdf>. Acesso em: 28 mar. 2013. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232007000600034.
Abstract: A individualidade e o poder de decisão dos indivíduos devem ser respeitados. A autonomia manifestada por meio do consentimento livre e esclarecido é a fonte de tal respeito. Este trabalho visou levantar dados sobre a realidade no uso do consentimento livre e esclarecido nos hospitais públicos do Distrito Federal. Um questionário foi encaminhado aos dentistas dos hospitais públicos para ser respondido. Os resultados obtidos demonstram que, no início do tratamento, é utilizado o consentimento livre e esclarecido, de forma verbal, na maioria dos hospitais. Observam-se, ainda, equívocos na utilização e conceituação do consentimento livre e esclarecido. Os documentos misturam autorização do uso de imagem, com consentimento livre e esclarecido. Os documentos apresentam poucas informações e não esclarecem aspectos importantes do tratamento. Portanto, os cirurgiões-dentistas atuantes na rede pública hospitalar necessitam de um aprofundamento nos fundamentos bioéticos com o intuito de congregarem, ao princípio da beneficência, já consolidado e normatizado, o princípio da autonomia.
Abstract: Personal powers of decision and individuality must be respected, grounded on autonomy expressed through informed consent. This paper examines data on the actual use of informed consent in public hospitals in Brazil’s Federal District. A questionnaire was completed by dentists in public hospitals, and its findings show that verbal informed consent is obtained at the start of treatment in most of the hospitals. Errors were noted in the use and conceptualization of informed consent. Failing to distinguish between image rights authorization and informed consent, the documents provide little information and do not explain important aspects of the treatment. Dentists practicing in the public hospital network thus need more detailed knowledge of basic bioethics in order to merge the long-consolidated and regulated principle of welfare with the principle of autonomy.
Licença:: Ciência & Saúde Coletiva - Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons (Attribution-NonCommercial 3.0 Unported (CC BY-NC 3.0)). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232007000600034&script=sci_arttext. Acesso em: 28 mar. 2013.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232007000600034
Appears in Collections:DSC - Artigos publicados em periódicos e preprints

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/12635/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.