Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/1262
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_2008_JoanisvalBritoGoncalves.pdf3,25 MBAdobe PDFView/Open
Title: Sed quis custodiet ipso custodes? : O controle da atividade de inteligência em regimes democráticos : os casos de Brasil e Canadá
Authors: Gonçalves, Joanisval Brito
Orientador(es):: Viola, Eduardo José
Assunto:: Atividade de inteligência
Controle externo
Serviço secreto
Agência Brasileira de Inteligência (ABIN)
Canadian Security Intelligence Service (CSIS)
Issue Date: Jun-2008
Citation: GONÇALVES, Joanisval Brito. Sed quis custodiet ipso custodes?: o controle da atividade de inteligência em regimes democráticos: os casos de Brasil e Canadá. 2008. 837 f. Tese (Doutorado em Relações Internacioanis)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: O presente trabalho tem por objetivo o estudo do controle da atividade de inteligência em regimes democráticos, com ênfase no controle externo exercido pelo Poder Legislativo. A primeira parte da Tese dedica-se à apresentação da influência da atividade de inteligência nas relações internacionais, aos aspectos conceituais, teóricos e metodológicos da inteligência e do controle da Administração Pública e dos serviços secretos. A partir desse embasamento doutrinário, segue-se para a segunda parte, na qual são estudados os casos do Brasil e do Canadá, considerando-se a maneira como os sistemas de inteligência se estruturaram em cada país e como se exerce o controle da comunidade de informações. Conclui-se comparando os modelos de supervisão e revisão brasileiro e canadense, e discutindo-se a possibilidade de aproveitamento da experiência de ambos para o perfeiçoamento do controle. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The main objective of this Dissertation is to study intelligence and the mechanisms of control over secret services, particularly in Brazil and Canada. The first part of the Dissertation is dedicated to analyze the influence of intelligence in international relations along history. It also contains a presentation of theoretical and methodological approaches of intelligence, and a general perspective of control related to secret services. The second part evolves the study of the intelligence systems in Brazil and in Canada, and the particular mechanisms of control and accountability in each country. To conclude, a comparison between Brazil and Canada is made, considering the control of the intelligence community, especially in terms of external review and oversight.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Relações Internacionais, Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais, 2008.
Appears in Collections:IREL - Doutorado em Relações Internacionais (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/1262/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.