Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/12184
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_EstudosRecentesSobre.pdf276,52 kBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorVieira, Alessandra d’Ávila-
dc.contributor.authorNizzola, Liliane Janine-
dc.contributor.authorKallas, Luana Miranda Esper-
dc.contributor.authorBrito, Manuelita Falcão-
dc.contributor.authorSchvasberg, Benny-
dc.contributor.authorFaria, Rodrigo Santos de-
dc.date.accessioned2013-02-22T14:33:10Z-
dc.date.available2013-02-22T14:33:10Z-
dc.date.issued2011-11-
dc.identifier.citationVIEIRA, Alessandra d’Ávila et al. Estudos recentes sobre a rede urbana brasileira: diferenças e complementaridades. Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais, Rio de Janeiro, v.13 , n. 2, Nov. 2011. Disponível em: <http://www.anpur.org.br/revista/rbeur/index.php/rbeur/article/view/394>. Acesso em: 22 fev. 2013.en
dc.identifier.urihttp://repositorio.unb.br/handle/10482/12184-
dc.description.abstractA classificação da rede urbana brasileira é importante ferramenta de gestão governamental, econômica e social, pois possibilita um direcionamento mais acertado de investimentos urbanos. Partindo-se da análise de três estudos recentes que elaboraram classificações para a Rede Urbana – o primeiro, Configuração Atual e Tendências da Rede Urbana, desenvolvido pelo Instituto de Pesquisas Aplicadas juntamente com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística; o segundo, Política Nacional de Desenvolvimento Regional, do Ministério da Integração Nacional, e o terceiro, Tipologia das Cidades Brasileiras, elaborado pelo Observatório das Metrópoles, – percebe-se a permeabilidade e complementaridade entre eles, as grandes contribuições trazidas e o desafio que é produzir uma classificação condizente com a diversidade das cidades brasileiras. Destaca-se ainda como as diferentes leituras da rede urbana incorporam-se às políticas públicas, sendo os estudos realizados parte do processo de construção da política urbana nacional. Assim, acredita-se que grandes desafios foram vencidos.en
dc.language.isoPortuguêsen
dc.publisherInstituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (ANPUR)en
dc.rightsAcesso Abertoen
dc.titleEstudos recentes sobre a rede urbana brasileira : diferenças e complementaridadesen
dc.typeArtigoen
dc.subject.keywordCidades e vilasen
dc.subject.keywordDesenvolvimento urbanoen
dc.subject.keywordPolítica públicaen
dc.subject.keywordUrbanismoen
dc.rights.licenseRevista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais - Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons (Attribution 3.0 Unported (CC BY 3.0)). Fonte: http://www.anpur.org.br/revista/rbeur/index.php/rbeur/about/submissions#copyrightNotice. Acesso em: 22 fev. 2013.en
dc.description.abstract1The Brazilian urban network classification is an important tool of political, economic and social management, since it allows a more accurate direction for urban investments. Analyzing three recent studies that have developed ratings for Urban Network – Configuração Atual e Tendências da Rede Urbana, developed by Instituto de Pesquisas Aplicadas and Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística; Política Nacional de Desenvolvimento Regional, by Ministério da Integração Nacional, and, Tipologia das Cidades Brasileiras, by Observatório das Metrópoles – we can detect the permeability and complementarity between them, their contributions of them and the challenge to produce a consistent classification with the diversity of Brazilian cities. We highlight how the different interpretations of the urban network are incorporated into public policies, showing that the studies are part of the construction of a national urban policy. In this way, we believe that major challenges have been overcome.-
Appears in Collections:THAU - Artigos publicados em periódicos

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/12184/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.