Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/12087
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_Uso MucilagemCacto.pdf628,11 kBAdobe PDFView/Open
Title: O uso da mucilagem de cacto em pastas de gesso : efeitos na absorção de água e na resistência à flexão estática
Other Titles: The use of cactus mucilage in gypsum plaster: effects in water absorption and static flexion strength
Authors: Magalhães, Ana Cristina Tinôco Verçosa de
Almeida, Jaime Gonçalves de
Assunto:: Gesso
Construção civil
Construção mista - bambú - sisal - coco
Issue Date: 2010
Publisher: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído
Citation: MAGALHÃES, Ana Cristina Tinôco Verçosa de; ALMEIDA, Jaime Gonçalves de. O uso da mucilagem de cacto em pastas de gesso: efeitos na absorção de água e na resistência à flexão estática. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 10, n. 1, p. 139-151, jan./mar. 2010. Disponível em: <http://seer.ufrgs.br/ambienteconstruido/article/view/10993/7440> Acesso em: 15 fev. 2013.
Abstract: A utilização de painéis de gesso acartonado na construção civil tem aumentado por diversos fatores, entre eles a facilidade e a rapidez na instalação por ser um processo de construção a seco. No Brasil, a maior parte da produção do gesso é destinada à produção desses painéis. O gesso possui um tempo de pega rápido, sendo necessária a incorporação de aditivos para estender esse tempo. Os aditivos permitem modificar ou acrescentar alguma propriedade ao material. Eles são, na maioria, sintéticos e custam caro, aumentando o preço final do produto. Neste trabalho, foi pesquisado um aditivo natural, a mucilagem dos cactos Nopalea cochenillifera e Opuntia fícus-indica, adicionado em forma de pó e de gel em pastas de gesso. Constatou-se que as mucilagens de ambos os cactos possuem propriedades aditivas, pois permitiram a redução do consumo de água das pastas de gesso e modificaram a taxa de absorção de água e a resistência à flexão nos corpos de prova moldados. ______________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The use of gypsum plasterboards in construction projects has increased due to several factors, including the ease and speed of installation since it is a dry construction method. In Brazil, most gypsum production is destined to making these panels. Gypsum plaster has a fast setting time and thus requires inclusion of admixtures to extend it. Such admixtures allow the modification or addition of properties to the material. Most of them are synthetic and expensive, increasing the cost of the final product. This study investigated a natural admixture, the mucilage extracted from cactus Nopalea cochenillifera and from Opuntia ficus-indica, added to gypsum plaster paste in powder and gel. The mucilage of both cacti proved to have additive properties, reducing of water consumption by the paste, and changing the rate of water absorption and flexural strength in the specimens molded.
Licença:: Ambiente Construído - Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons (Attribution 3.0 Unported (CC BY 3.0)). Fonte: http://seer.ufrgs.br/ambienteconstruido/article/view/10993. Acesso em: 15 fev. 2013.
metadata.dc.relation.isbasedon: http://repositorio.unb.br/handle/10482/3907
Appears in Collections:PRO - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/12087/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.