Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/9959
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_GiovanaTiziani.pdf987,42 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Avaliação de impacto de programa de apoio à exportação : um estudo do proex utilizando propensity score matching
Autor(es): Tiziani, Giovana
Orientador(es): Pianto, Donald Matthew
Assunto: Exportação
Concorrência internacional
Política comercial
Data de publicação: 15-Fev-2012
Referência: TIZIANI, Giovana. Avaliação de impacto de programa de apoio à exportação: um estudo do proex utilizando propensity score matching. 2010. 52 f., il. Dissertação(Mestrado em Economia do Setor Público)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Resumo: As discussões sobre a necessidade ou não da intervenção do governo na economia são inúmeras, especialmente no que se refere a medidas adotadas para proteger a balança comercial. No Brasil, além da política de substituição de importações da década de 1950, outra política importante foi a criação, em 1965, do Fundo de Financiamento à Exportação (Finex), programa de pré-embarque com recursos do orçamento da União, e que foi extinto em 1988. Na década de 1990, com a maior abertura da economia brasileira, foram criados outro dois programas de apoio às exportações: o Programa de Financiamento às Exportações (Proex) e o BNDES-Exim. O objeto avaliado nesta dissertação é o Proex. Dado que o programa consome parcela considerável dos recursos do orçamento da União, torna-se relevante medir seu impacto para avaliar se ele responde adequadamente ao gasto público realizado. Alguns trabalhos já publicados que avaliam o impacto do Proex o fizeram por meio de regressão simples, com a observação dos coeficientes de variáveis fortemente correlacionadas com as exportações. Neste trabalho, a abordagem será outra: experimentaremos o uso do Propensity Score Matching, na tentativa de melhor dimensionar o efeito do programa sobre as exportações brasileiras. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Discussions on whether or not the government should intervene in the economy are numerous, especially regarding measures taken to protect the trade balance. In Brazil, besides the policy of import substitution in the 1950s, another important policy was the creation, in 1965, of the Exports Financing Fund (Finex), a program of pre-shipment with public funds, which was extinguished in 1988. In the 1990s, the further opening of the Brazilian economy raised the other two programs to support exports: Program Export Finance (Proex) and BNDES-Exim. The object to be evaluated in this dissertation is Proex. Since the program consumes a considerable amount of resources from the public budget, it is important to measure its impact. Some published studies that assess the impact of Proex were performed by a simple linear regression model, which considers the coefficients of variables strongly correlated with exports. In this work, the approach is different: we will use the propensity score-matching methods, in a attempt to better measure the effect of the program on Brazilian exports.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Garduação em Economia, 2010.
Aparece nas coleções:ECO - Mestrado Profissional em Economia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.