Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/9833
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_AnaConstanciaMacedoFaria.pdf4,29 MBAdobe PDFView/Open
Title: O cinema e a concepção de ciência por estudantes do ensino médio
Authors: Faria, Ana Constância Macedo
Orientador(es):: Bizerril, Marcelo Ximenes Aguiar
Gastal, Maria Luiza de Araújo
Assunto:: Ciências - estudo e ensino - recursos audiovisuais
Cinema - educação
Issue Date: 5-Jan-2012
Citation: FARIA, Ana Constância Macedo. O cinema e a concepção de ciência por estudantes do ensino médio. 2011. 114 f., il. Dissertação(Mestrado em Ensino de Ciências)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: No presente trabalho foram investigadas as concepções de alunos da 3ª série do Ensino Médio de uma escola pública de periferia, na cidade de Samambaia/Distrito Federal, a respeito da Ciência e do trabalho do cientista. Propõe-se ainda uma reflexão sobre a utilização de linguagens alternativas nas práticas metodológicas do ensino de ciências em sala de aula. Dentre estas, sugere-se fazer uso de filmes de circuito comercial como recurso didático de interação no processo ensino-aprendizagem de forma significativa para o aluno durante as aulas de Biologia, avivando a discussão sobre a impressão de realidade provocada pelas obras de ficção cinematográfica e seus efeitos sobre a percepção social criada em torno da ciência. Os resultados demonstram o distanciamento dos estudantes em relação à atividade científica e a imagem distorcida que têm dos cientistas, algo previamente constatado na literatura, os quais consideram como principais agentes influenciadores dessa questão a televisão, seguida pela escola e livros didáticos. Acreditam também que produtos apresentados como comprovados cientificamente são extremamente confiáveis, evitando riscos à saúde, o que indica uma correlação entre resultados científicos e verdades absolutas. A maioria dos alunos afirma nunca ter pensado em fazer da ciência a sua profissão. Também possuem um reduzido conhecimento sobre as relações que a ciência possa ter com outras áreas como economia e política, assim como com a sociedade. Como produto educativo temos a produção do filme “A ciência que a gente vê no cinema”, cuja utilização pode permitir discussões e reflexões sobre como se produz o conhecimento científico, quem financia a ciência e o papel da sociedade diante dos avanços científicos, sendo constatado o grande papel influenciador que o documentário exerce na concepção desses estudantes. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The present work aims to investigate the conceptions of students from 3rd grade of high school of a suburban public school in the city of Samambaia/Distrito Federal, about what is science and work of scientists. It also proposed a reflection on the use of alternative languages on the methodological practices of science teaching in the classroom, and among them. It proposes to make use of commercial films as a teaching resource for interaction in the teaching-learning process significantly to the student during biology classes, enlivening the discussion about the impression of reality caused by works of fiction film and its effects on social perception created around the Science. The results show the distance from students regarding their scientific activity and the distorted image they have of scientists, something previously reported in the literature, which they consider as key influencers of this issue the television, followed by schools and textbooks. They also believe that scientifically proven products are extremely reliable, avoiding health risks, what indicates a correlation between scientific results and absolute truths. The majority students say never have thought to make science their profession. They also have a limited knowledge about the relationships that science may have with other areas such as economics, politics and society. As educational product we produced the film "The science that we see in movies”, whose use may enable discussions and reflections on how to produce scientific knowledge, who is funding the science and the role of society in face of scientific advances, and revealed the influential big role that the documentary has the conception of these students.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências, 2011.
Appears in Collections:IQ - Mestrado Profissionalizante em Ensino de Ciências (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/9833/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.