Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/9390
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_ClaudiaMariadeSouzaRibeiro.pdf796,89 kBAdobe PDFView/Open
Title: Educação para o lazer nas aulas de educação física escolar na perspectiva dos alunos de licenciatura
Authors: Ribeiro, Claudia Maria de Souza
Orientador(es):: Azevedo, Aldo Antonio de
Assunto:: Lazer e educação
Educação física
Professores - formação
Issue Date: 4-Oct-2011
Citation: RIBEIRO, Claudia Maria de souza. Educação para o lazer nas aulas de educação física escolar na perspectiva dos alunos de licenciatura. 2011. 147 f. Dissertação (Mestrado em Educação Física)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: O presente estudo teve como objetivo geral analisar as possibilidades da educação para o lazer nas aulas de Educação Física Escolar, na perspectiva dos alunos de dois cursos de licenciatura em Educação Física do Distrito Federal. Consideramos as conexões, as contradições acadêmicas existentes e o futuro profissional almejado pelos alunos, no sentido de contribuir para um debate sociopolítico, crítico e esclarecedor do tema em nossa sociedade. O que pensam os alunos dos referidos cursos sobre a materialização da educação para o lazer na Educação Física Escolar (EFE) com todas suas nuances, foi o nosso questionamento. Desse modo, realizamos um estudo de caso, a partir de uma perspectiva qualitativa, focado na busca de uma educação para o lazer emancipatória e auto-reflexiva. Utilizamos como instrumento de investigação a entrevista semi-estruturada, seguida de uma análise do conteúdo. Em relação à análise proposta, o grupo mostrou-se favorável a realizar a educação para o lazer na EFE. Avaliaram como reduzida a abordagem realizada no curso sobre o tema, o que tem relação direta com o fato de mostraram desconhecerem o teor das discussões teóricas existente no país. Diante da autorreflexão dessa situação, reconheceram-se despreparados para abordar o tema numa atuação futura na EFE. A ideia desse grupo sobre o tema aproxima-se das concepções discutidas por reconhecidos autores da EF, que estão envoltas pela visão funcionalista do lazer, que restringe o real potencial do fenômeno lazer, ao adotarem uma conduta unilateral e negar seu potencial emancipatório. O grupo apresentou dúvidas sobre a diferença entre abordar o tema como objeto e como veiculo. Diante do exposto, faz-se necessário refletir de maneira imanente, sobre os motivos pelos quais as idéias alternativas à visão funcionalista do lazer, discutidas, confrontadas e debatidas desde a década de 90, encontram-se aparentemente ocultas ou ausentes na realidade da licenciatura, de modo a suscitar o debate crítico. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study aimed to analyze the possibilities of education for leisure in Physical Education classes, considering the perspective of students from two undergraduate courses in Physical Education located in the Brazilian Federal District. We considered the existing academic connections and contradictions, and the professional future desired by those students as well, in order to contribute to a social, political, critical and clarifying debate on this subject in our society. What these Physical Education students think about the application of education for leisure in Physical Education (PE) classes and all its nuances was our question in this work. Thus, we conducted a case study from a qualitative perspective, focusing on the pursuit of an education for leisure that could be self-reflexive and lead to emancipation. We used semi-structured interviews as investigative tool and a subsequent content analysis. Regarding the proposed analysis, the group investigated was favorable to the application of education for leisure in the PE classes. They also evaluated the approach on the subject during their undergraduate course as insufficient, which is directly related to the fact that they have not shown any knowledge of the theoretical discussion on this issue that have been taking place in Brazil. Given a self-reflection on this situation, these undergraduate students recognized themselves as unprepared to approach the subject in a future action in PE classes. The idea this group have on the subject is similar to the concepts discussed by renowned PE authors, which are surrounded by the functionalist view of leisure and restrict the real potential of the phenomenon of leisure, by adopting a unilateral conduct and denying its emancipatory potential. The group presented doubts about the difference between approaching the subject as object and as a vehicle. Considering what was exposed, it is necessary to reflect in an immanent way about the reasons why the alternative ideas to the functionalist view of leisure, that have been discussed, confronted and debated since the 90's, are apparently hidden or absent in the reality of undergraduate courses, in order to raise a critical debate.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, 2011.
Appears in Collections:FEF - Mestrado em Educação Física (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/9390/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.