Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/8658
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_LúcioPereiraMello.pdf2,53 MBAdobe PDFView/Open
Title: O Estado como indutor da inserção técnica na agricultura familiar : o caso do território rural do Vale do Rio Vermelho - GO
Authors: Mello, Lúcio Pereira
Orientador(es):: Steinberger, Marília
Assunto:: Agricultura familiar
Agricultura e Estado
Economia agrícola
Fazendas familiares
Issue Date: 27-Jun-2011
Citation: MELLO, Lúcio Pereira. O Estado como indutor da inserção técnica na agricultura familiar: o caso do território rural do Vale do Rio Vermelho - GO. 2011. 144 f. Dissertação (Mestrado em Geografia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: Este estudo analisa as ações do programa Territórios Rurais, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, tendo como foco principal a aplicação delas no Território Rural Vale do Rio Vermelho, em Goiás. O objetivo é compreender como tem se dado a inserção técnica dos agricultores familiares no meio rural brasileiro. A hipótese do estudo é que o Estado tem sido um indutor de técnicas nas regiões em que o mercado não proporciona o acesso a equipamentos e conhecimento tecnológico. Sob a perspectiva de técnica na acepção de Milton Santos e seu papel na compreensão do espaço geográfico como um sistema de objetos e um sistema de ações, o estudo analisa o histórico da inserção técnica no espaço agrário brasileiro. As políticas rurais são abordadas a partir da polarização entre o agronegócio e a agricultura familiar e também em seu papel na promoção de recursos e técnicas em um contexto de produção rural em que o componente tecnológico é inerente ao meio geográfico técnico-científico-informacional. Através do mapeamento dos objetos técnicos na região e da avaliação dos documentos produzidos pelo Conselho Territorial do Vale do Rio Vermelho, explicita-se as demandas dos agricultores familiares da região e os percursos do Estado para atender às solicitações e garantir a apropriação técnica dos produtores destes 16 municípios. Nas considerações finais o estudo relaciona o papel do Estado no desenvolvimento agrário, sobretudo na questão fundiária além da disputa entre agronegócio e produtores familiares na região por recursos do Estado bem como a relação e uma nova correlação de forças entre pequenas cidades e agricultores familiares. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study examines the actions of Territórios Rurais, a program from the Brazilian Ministry of Agrarian Development, which focuses on the application of these actions in the territory Vale do Rio Vermelho in Goiás. The goal is to understand how technique has been introduced in the production of family farmers in brazilian countryside. The study hypothesis is that the State has been a promoter of techniques in areas where the market does not provide access to equipment and expertise. Considering technique in the meaning used by Milton Santos and the geographic space as a system of objects and a system of actions, the study examines the history of the introduction of those techniques in rural areas. Rural policies are evaluated considering the polarization between agribusiness and family farming, according to their contribution to technological development under Milton Santos’s understanding of infotecnoscientific environment. Based on the mapping of technical objects in the region and the evaluation of documents produced by the Conselho Territorial do Vale do Rio Vermelho, the study repports the demands of family farmers in the region and the solution found by the State to fulfill requests and ensure technical ownership to the producers of the 16 municipalities. At the conclusion, this study links the State rule on agrarian development, specially in the issues related to land regularization. The struggle for resources from the State between agribusiness and familiar farming in the region is also related and the new balance in Power dispute among family farmers and population in the small towns in Brazil.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, 2011.
Appears in Collections:GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/8658/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.