Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/8407
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_SergioGomesSilva.pdf472,53 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: As noções de Deus, moral e religião e sua função em a religião nos limites da simples razão de Immanuel Kant
Autor(es): Silva, Sérgio Gomes e
Orientador(es): Martins, Estevão Chaves de Rezende
Assunto: Kant, Immanuel, 1724-1804
Filosofia
Religião
Data de publicação: 17-Jun-2011
Referência: SILVA, Sérgio Gomes e. As noções de Deus, moral e religião e sua função em a religião nos limites da simples razão de Immanuel Kant. 2010. 116 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Resumo: A dissertação parte da crítica, presente na Crítica da razão pura, à possibilidade da metafísica como ciência. Desta forma, demonstra o questionamento kantiano da concepção de Deus enquanto objeto da teologia racional. A dissertação também problematiza a crítica kantiana à possibilidade da concepção de Deus como objeto metafísico. Além disso, aborda as fronteiras impostas pela crítica à metafísica e, consequentemente, às noções a priori de Deus. Imediatamente chega-se à conclusão de que a noção de Deus encaminha-se para o âmbito prático. No entanto, o problema que o sistema kantiano apresenta é a dedução da lei moral, visto que só a partir dessa dedução é possível identificar a função de Deus na dimensão prática. A dissertação destaca que, na primeira Crítica, a dedução da lei moral é impossível. Por sua vez, na Fundamentação da metafísica dos costumes, essa dedução ainda é metafísica, isto é, a dedução é realizada a partir do conceito negativo de liberdade. Somente na segunda Crítica, por meio do fato da razão, a dedução da lei moral torna-se possível. Estabelecido o âmbito da moralidade, tem-se um terreno apropriado para a religião. Ademais, ressalta-se que Kant pretende analisar Deus e a religião a partir da simples razão. Assim sendo, tanto as noções de Deus como de religião são reinseridos dentro da perspectiva da razão prática pura. A partir desse contexto, depois de ter demonstrado a fragilidade dos argumentos que sustentavam a teologia racional, o filósofo questiona a teologia revelada. Por fim, o filósofo propõe a possibilidade das noções de Deus e de religião sob a perspectiva da teologia moral. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The thesis starts with the criticism present in the Critique of Pure Reason and it goes through the possibility of having metaphysics as a science. Thus, it demonstrates Kantian issues about the conception of God as an object of rational theology. The research also problematizes the Kantian criticism on the possibility of a conception of God as a metaphysical object. In addition, it discusses the boundaries imposed by criticism on metaphysics and, consequently, the a priori notions of God. Immediately, it is possible to conclude that the concept of God heads for the practical scope. However, the problem that the Kantian system presents is the deduction of the moral law, since, only from such deduction, it is possible to identify the role of God in the practical dimension. The thesis emphasizes that in the first Critique, the deduction of the moral law is impossible. On the other hand, in Groundwork of the Metaphysics of Morals, this deduction is still metaphysical, in other words, the deduction is made from the negative concept of freedom. Only in the second Critique, through the fact of the reason, the deduction of the moral law becomes possible. Having the morality scope established, there is a place for religion. Furthermore, it highlights that Kant intends to analyze God and religion from simple reason. Therefore, both the notions of God as well as of religion are reintegrated into the perspective of Critique of Practical reason. From this context, having demonstrated the frailty of the arguments that supported the rational theology, the philosopher questions the revealed theology. Finally, the philosopher proposes the possibility of notions of God and religion under the perspective of the moral theology.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasilia, Departamento de Filosofia, 2010.
Aparece nas coleções:FIL - Mestrado em Filosofia (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.