RIUnB >
IH - Instituto de Ciências Humanas >
GEA - Departamento de Geografia >
GEA - Programa de Pós-graduação  >
GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10482/8094

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertacao%20Washington.pdf10,57 MBAdobe PDFView/Open

Title: A contribuição da geografia para a educação ambiental : as relações entre a sociedade e a natureza no Distrito Federal
Authors: Oliveira, Washington Candido de
Advisor: Peluso, Marília Luiza
Keywords: Educação ambiental
Homem - influência sobre a natureza
Issue Date: 30-May-2011
Submit Date: Oct-2007
Citation: OLIVEIRA, Washington Candido de. A contribuição da geografia para a educação ambiental: as relações entre a sociedade e a natureza no Distrito Federal. 2007. 120 f. Dissertação (Mestrado em Geografia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2007.
Abstract: A crise ambiental da modernidade tem se refletido em um dualismo quanto à compreensão do que é a cidade. Ora esta é tratada como um quadro físico em que a natureza é um conjunto de recursos, ora como o meio ambiente urbano onde ocorre uma construção social. Estas visões possuem um conteúdo crítico diferente quanto à relação do espaço com a sociedade. Sendo assim, a Geografia tem como propósito a formulação de uma percepção mais clara da relação que existe entre a sociedade e as modificações que esta causa ao meio ambiente. Posto desta forma, a Educação Ambiental pode se utilizar desta percepção para melhor formar os atores sociais. Além disso, a Geografia, como ciência, possui um conjunto de formulações teóricas que servirão para formar conceitos que apreendam os complexos processos sociais e os riscos ambientais que se intensificam. A partir desses processos sociais que se constrói o espaço. Para Milton Santos, o espaço é a matéria trabalhada por excelência. É importante entender o funcionamento deste rol de questões relacionadas a este ecossistema artificial. Articular Geografia e Educação Ambiental é de vital importância para a conscientização dos indivíduos sobre a importância de preservar a natureza e ao mesmo tempo assegurar a qualidade de vida. A necessidade, então, de se criar uma consciência ambiental e a possibilidade de formar um ator social com interesse explícito pela natureza, passa por um processo educativo que vise criar novas atitudes e novos critérios de comportamento balizados pelos princípios de sustentabilidade ecológica. Considera-se que a educação é um instrumento imprescindível para a preservação do meio ambiente por seu papel importante na conscientização dos indivíduos sobre a importância de preservar a natureza e ao mesmo tempo assegurar a qualidade de vida. Por intermédio da educação ambiental pode-se levar os educandos a compreender as relações homem/natureza. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The modernity environmental crisis has been reflected in a dualism in relation to the comprehension of what society is. It is sometimes treated as a physical state in which nature is a resources group, or it is, sometimes, treated as the urban environment where a social building happens. These points of view have a different critical content on the society-space relation. Therefore, Geography has as a purpose creating the concept of a clearer perception of the relation which exists between society and the changes that it causes to the environment. This way, Environmental Education may use this perception to better form the social actors. Beyond that, Geography, as a science, has a group of theoretic formulations which serve to create concepts which apprehend the complex social processes and the environmental risks that are intensified. It is from these social processes that space is built. To Milton Santos, space is the subject worked on with excellence. It is important to understand how this group o questions related to such artificial ecosystem work. It is vital to articulate Geography and Environmental Education to create the conscience in people about the importance to preserve nature and, at the same time, ensure the quality of life. Therefore, the need for creating an environmental conscience, and the possibility of forming a social actor explicitly interested in nature both must consider an educational process which has the objective of creating new attitudes and new behaviour criteria based on the principles of ecological sustainability. It is considered that education is an essential tool for environment preservation for its relevant role in creating people’s conscience towards the importance of preserving nature and, at the same time, ensuring the quality of life. Through environmental education, it is possible to lead the students to the comprehension of the relations between man and nature.
Additional Information: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Pós Graduação de Geografia, 2007.
Appears in Collections:GEA - Mestrado em Geografia (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Items in Repository are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Site Creative Commons Site Oaister Sítio IBICT Universidade de Brasília
About Repository  |  FAQ  |  Statistics |  Authorization Term
Copyright © 2008 MIT & HP. All rights reserved.