Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/8019
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_BrunaLourencaoZocaratto.pdf1,75 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: A cultura de avaliar de professores de inglês em formação inicial de um curso de letras de uma universidade do DF : estudo de caso
Autor(es): Zocaratto, Bruna Lourenção
Orientador(es): Ortíz Alvarez, Maria Luisa
Assunto: Língua inglesa - estudo e ensino
Professores - formação
Data de publicação: 25-Mai-2011
Referência: ZOCARATTO, Bruna Lourenção. A cultura de avaliar de professores de inglês em formação inicial de um curso de letras de uma universidade do DF: estudo de caso. 2010. 163 f., il. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Resumo: Este estudo tem por objetivo investigar a cultura de avaliar, no discurso e nas ações, de professores em formação inicial de um curso de Letras/Inglês de uma universidade do Distrito Federal. Não se limita apenas a discutir quais são as crenças, mas procura suas possíveis origens na tentativa de entender porque os participantes ensinam como ensinam (ALMEIDA FILHO, 1993) e porque eles avaliam como avaliam. Nesse sentido, analisamos também de que maneira o curso de Letras/Inglês contribuiu para a construção do papel da avaliação no processo de ensino e aprendizagem de línguas (EALin) em consonância com as tendências contemporâneas. Além disso, buscamos promover aos participantes dessa pesquisa discussões e reflexões a respeito de suas práticas avaliativas e do papel da avaliação no processo de EALin. Para a consecução dos nossos objetivos, nos apoiamos nos princípios da pesquisa qualitativa, estudo de caso (STAKE, 1994; FALTIS, 1997; FREEBODY, 2003). Nossos participantes foram três estagiários e, de forma secundária, a professora responsável pelo estágio supervisionado, cujos dados foram incluídos como forma de complementar as informações dos principais colaboradores desse estudo. Os resultados mostram que os futuros professores reconhecem a importância da avaliação e a necessidade de meios avaliativos que não sejam pautados apenas na aplicação de provas. Observamos que, apesar de em alguns momentos prezarem por uma avaliação formativa, na maioria das vezes eles se voltam para uma ação que trata a avaliação nos moldes tradicionais, sendo esta também abordagem adotada em sua prática de ensino. Percebemos que o curso de Letras/Inglês apresenta uma estruturação curricular ainda em defasagem no que concerne às disciplinas já incorporadas ao currículo, como o caso do Estágio Supervisionado e de Didática, e também em termos de disciplinas ausentes do currículo, tais como Avaliação, Planejamento e Produção de Material Didático. Com base nessas considerações, verificamos que os participantes se engajam em uma prática avaliativa mais intuitiva, guiada pela aprendizagem por observação (LORTIE, 1975). _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This study aims to investigate the evaluation culture in the discourse and actions of teachers in initial formation of a Licentiate in English course of a university in Distrito Federal. It not only discusses what the beliefs are, but also searches for their possible origins as a way of trying to understand why the participants teach as they teach (ALMEIDA FILHO, 1993) and why they evaluate as they evaluate. Accordingly, we also analyzed the way this course has contributed to the construction of the evaluation‟s role in the process of teaching and learning languages in consonance with the contemporary tendencies. Besides that, we seek to promote to the participants of this dissertation discussions and reflections about their evaluative practices and the evaluation‟s role in this process. For the attainment of our objectives, we had the support of the qualitative research principles, case study (STAKE, 1994; FALTIS, 1997; FREEBODY, 2003). Our participants were three students of the supervised teaching practice and, in a secondary way, the professor in charge of the Supervised Teaching Practice discipline whose collected data were included in order to complement the information of our main participants. The results show that the future teachers recognize the importance of the evaluation and the necessity of evaluative means that are not only limited to the use of tests. However, despite having the will to practice a formative evaluation in some moments, most of the times they are back to actions that handle the evaluation in a traditional way, which is also the approach adopted in their teaching practice. We also realized that the Licentiate in English course presents a curricular structure with shortfalls in terms of the disciplines which are already incorporated to the curriculum, as it happens to the Supervised Teaching Practice and Didactics, and as well as in terms of the disciplines that are absent, such as Evaluation, Course Planning and Didactic Material Production. Based on these considerations, we verified that the participants are engaged in a more intuitive evaluative practice guided by the apprenticeship of observation (LORTIE, 1975).
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2010.
Aparece nas coleções:PGLA - Mestrado em Linguística Aplicada (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.