Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/7881
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_PlautoSDeCarvalho.pdf4,3 MBAdobe PDFView/Open
Title: Myrcia DC. ex Guill. (seção Myrcia, Myrtaceae) no Distrito Federal, Brasil
Authors: De-Carvalho, Plauto Simão
Orientador(es):: Silva, Lucia Helena Soares e
Assunto:: Botânica - classificação
Flora
Cerrados - Distrito Federal (Brasil)
Issue Date: 19-May-2011
Citation: DE-CARVALHO, Plauto Simão. Myrcia DC. ex Guill. (seção Myrcia, Myrtaceae) no Distrito Federal, Brasil. 2008. 75 f. Dissertação (Mestrado em Botânica)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: O gênero Myrcia é constituído por subarbustos, arbustos ou árvores que apresentam inflorescências tirsos, tirsóides ou panículas e é dividida em duas seções, Myrcia e Aulomyrcia. Myrcia distingui-se de Aulomyrcia por apresentar hipanto não elevado acima do topo do ovário, estames inseridos no disco estaminífero, ovário 2(-3)-locular e lobos caliciniais semelhantes entre si. O objetivo deste trabalho foi estudar o gênero Myrcia (seção Myrcia) no Distrito Federal visando: (a) identificar, analisar e descrever as espécies de Myrcia (sect. Myrcia) no Distrito Federal; (b) identificar caracteres diagnósticos distintivos entre as espécies; (c) produzir chave de identificação das espécies estudadas, e (d) atualizar a listagem de espécies de Myrcia seção Myrcia no Distrito Federal. O material estudado consistiu na coleção de Myrcia (sect. Myrcia) de quatro herbários do Distrito Federal (UB, CEN, IBGE, HEPH). Foram descritas dez espécies ocorrentes no Distrito Federal: Myrcia canescens O. Berg, M. chapadinhaeana Glaz. ex Mattos & D.Legrand, M. capitata O. Berg, M. cordifolia O. Berg, M. rostrata DC., M. goyazensis Cambess, M. magnoliifolia DC., M. piauhiensis O. Berg, M. sellowiana O. Berg e Myrcia sp. Foi possível discriminar as espécies com base nos dados morfológicos coletados. Dados de arquitetura foliar serviram como ferramenta auxiliar importante da separação de formas variantes. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Myrcia is composed of shrubs or tress and shows thyrse, thyrsoid or panicle type inflorescence and is divided into two sections, Myrcia and Aulomyrcia. Myrcia is distinguished from Aulomyrcia by presenting a hypanthium not above the top of the ovary, stamens inserted on a staminal disc, ovary 2(-3) locular and calyx lobes similar to each other. The objective of this work was to describe the morphology of Myrcia sect. Myrcia species from the Distrito Federal, Brazil, and use foliar architecture data of the species as tool to identify diagnostic characters, at species level, and construct an analytic tree of the studied group. The material studied is the collection of Myrcia sect. Myrcia from four herbaria from Distrito Federal (UB, CEN, IBGE, HEPH). Ten species that occur in Distrito Federal are described: Myrcia canescens O. Berg, M. chapadinhaeana Glaz. ex Mattos & D.Legrand, M. capitata O. Berg, M. cordifolia O. Berg, M. rostrata DC., M. goyazensis Cambess, M. magnoliifolia DC., M. piauhiensis O. Berg, M. sellowiana O. Berg and Myrcia sp. It was possible to distinguish the species using the morphologic data collected. Architecture data worked as a good tool to separate variant forms.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica, 2008.
Appears in Collections:BOT - Mestrado em Botânica (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/7881/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.