RIUnB >
FACE - Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade >
ECO - Departamento de Economia >
ECO - Programa de Pós-graduação  >
ECO - Mestrado em Economia (Dissertações) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10482/7492

Files in This Item:

File Description SizeFormat
2009_AlfredoEricRomminger.pdf567,24 kBAdobe PDFView/Open

Title: Instabilidade financeira internacional em uma economia de Diamond & Dybvig com jogo global.
Authors: Romminger, Alfredo Eric
Advisor: Peñaloza, Rodrigo Andrés de Souza
Keywords: Crise econômica
Estabilização econômica
Bancos de investimento
Issue Date: 26-Apr-2011
Submit Date: 22-Jun-2009
Citation: ROMMINGER, Alfredo Eric. Instabilidade financeira internacional em uma economia de Diamond & Dybvig com jogo global. 2009. 85 f. Dissertação (Mestrado em Economia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Abstract: Esta dissertação estuda as causas das crises financeiras internacionais por meio da modelagem em jogos globais de uma economia aberta de Diamond & Dybvig (1983). Uma pesquisa nesse sentido é relevante dada a importância da compreensão sobre causas da instabilidade financeira internacional, permitindo a formulação de políticas para evitá-las. A partir de Diamond & Dybvig, Chang & Velasco (2001) modelam crises financeiras e mostram razões para a instabilidade financeira. No entanto, a seleção de equilíbrio nesse modelo é complicada, pois depende de "profecias auto-realizáveis". O instrumental de jogos globais traz uma nova interpretação sobre o funcionamento do sistema financeiro, ao introduzir incerteza no payoff dos agentes, tornando relevante o papel das crenças na seleção do equilíbrio. Essa modificação garante que apenas um equilíbrio seja selecionado. A partir da estratégia ótima, é analisada a relação entre ela e as variáveis do modelo, estudando-se, particularmente, o impacto do consumo antecipado na seleção dos equilíbrios. Assim, mostra-se que, se existe uma pressão muito grande de consumo, a probabilidade de ocorrer uma crise financeira aumenta. Com isso, este trabalho permite uma melhor compreensão das causas de uma crise, ponto crucial no processo formulação das políticas. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The present work studies the causes of international financial crises applying global games models to an open economy of Diamond & Dybvig (1983). Such a work is important to better understand the causes of instability in financial markets, enabling the design of more efficient policies to avoid them. Using Diamond & Dybvig, Chang & Velasco (2001) drew computational models of financial crises and showed the reasons for the financial instability. Furthermore, choosing an equilibrium in such models faces problems concerning self-fulfilling prophecies. Global game modeling sets a new interpretation for the financial system performance as it introduces uncertainty to agent’s payoffs, underlining the role of beliefs on the choice of an equilibrium and allowing it to be unique. We analyze the relation between the optimal strategy and the variables of interest, outlooking, particularly, the impact of projected consumption on the selection of equilibria. Here, we are able to demonstrate that great consumption pressures are likely to generate financial crises. In this sense, this thesis provides us with a better understanding of crises, what help to build policies aiming to avoid them.
Additional Information: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, 2009.
Appears in Collections:ECO - Mestrado em Economia (Dissertações)

Items in Repository are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Site Creative Commons Site Oaister Sítio IBICT Universidade de Brasília
About Repository  |  FAQ  |  Statistics |  Authorization Term
Copyright © 2008 MIT & HP. All rights reserved.