Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/7431
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_CarolineMalhadoPBarbosa.pdf2,75 MBAdobe PDFView/Open
Title: Influência do cruzamento de ovinos Dorper com Santa Inês sobre o desenvolvimento do músculo Longissimus dorsi e sua cobertura de gordura
Other Titles: The influence of crossing Doper sheep with Santa Inês through evalution of Longissimus dorsi muscle and subcutaneous fat development
Authors: Barbosa, Caroline Malhado Pires
Orientador(es):: Melo, Cristiano Barros de
Assunto:: Reprodução animal
Ovino - reprodução
Ovino
Issue Date: 17-Apr-2011
Citation: BARBOSA, Caroline Malhado Pires. Influência do cruzamento de ovinos Dorper com Santa Inês sobre o desenvolvimento do músculo Longissimus dorsi e sua cobertura de gordura. 2009. xiii, 53 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Animais)-Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Abstract: O objetivo desse trabalho foi de avaliar o efeito do cruzamento dos animais Santa Inês com Dorper, pela da avaliação do desenvolvimento muscular e da gordura do músculo Longissimus dorsi, utilizando medidas de ultra-som. Foram utilizados 140 animais, sendo 70 Santa Inês e 70 Dorper x Santa Inês, sendo todos machos, com idade média de 155 dias e pensando em média 22 kg. Para as análises relacionadas à idade foram selecionados entre dos 140 cordeiros um total de 119 cordeiros, sendo 53 mestiços Dorper x Santa Inês e 66 Santa Inês. Para realização dos exames, foi utilizado um equipamento de ultra-som com transdutor linear (frequência de 6 MHz e 8 MHz). As imagens da área (ALD), comprimento (CLD) e profundidade (PLD) do músculo Longissimus dorsi, assim como a espessura da gordura subcutânea (EGS), foram realizadas pela abordagem transcutânea entre a 12ª e 13ª costela do lado esquerdo do animal. Foi estudado o efeito da raça sobre as características: peso vivo (PV), ALD, CLD e PLD, além da EGS, assim como as possíveis associações entre elas. Foi também analisado efeito das imagens geradas com transdutor de frequência 6MHz e 8MHz. Para tanto, empregou-se procedimento GLM, CORR, REG, PRINCOMP e teste de médias Tukey (p<0,05) do programa estatístico SAS® (Statistical Analysis System). O experimento mostrou que: não houve influência da raça em relação as medidas ALD, PLD, CLD, EGS e peso; as medidas ALD, CLD, PLD e idade dos ovinos foram correlacionadas positivamente com o peso vivo; não houve diferença para os dois tipos de frequências utilizadas, exceto para EGS (p<0,05). Em relação à regressão linear, evidenciou-se uma relação positiva e crescente do peso em relação as características avaliadas por ultra-som. Sendo assim, a raça Santa Inês apresentou desempenho semelhante quando comparadas com animais mestiços Dorper x Santa Inês. ________________________________________________________________________________ ABSTRACT
In the production system, features such as area (ALD) and depth (PLD) of Longissimus dorsi muscle are important indicators of muscle amount and muscle development, as well the fat. This study used 140 animals, 70 Santa Ines and 70 Doper x Santa Ines, all males, weighing on average 22 kg and 155 days of age. For analysis related to age 119 of the 140 lambs were selected, 53 crossbred Dorper x Santa Inês and 66 Santa Inês. For the examinations, a ultrasound with linear probe (6 MHz and 8 MHz frequencies) was used. The images of the area (ALD), length (CLD) and depth (PLD) of Longissimus dorsi muscle and the thickness of subcutaneous fat (EGS) were performed through the transcutaneous scan between the 12th and 13th rib on the animal’s left side. The effect of genetic group on the characteristics: live weight (LW), ALD, PLD and CLD in addition to EGS, as well as the possible associations between them. The effect of images generated with probe of 6MHz and 8MHz frequencies were also studied. GLM, CORR, REG, PRINCOMP and Tukey (p<0.05) of the statistical program SAS® (Statistical Analysis System) were used. There was no influence of genetic group in relationship to the measures ALD, PLD, CLD, EGS and weight; measures ALD, CLD, PLD and the age of animals were positively correlated with live weight and there was no difference for the two types of frequencies used except for EGS (p<0.05). For the linear regression, there was a positive and increasing relationship between live weight and ultrasound measurements. Thus, the Santa Ines has similar performance, when compared with crosses Dorper x Santa Ines when they have the same live weight.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2009.
Appears in Collections:FAV - Mestrado em Ciência Animal (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/7431/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.