Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/5668
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_Rodrigo Desider Fischer.pdf26 MBAdobe PDFView/Open
Title: Caminhos múltiplos : investigações para a montagem da peça EUTRO do Grupo Experimental Desvio
Authors: Fischer, Rodrigo Desider
Orientador(es):: Castro, Rita de Cássia de Almeida
Coorientador(es):: Matsumoto, Roberta Kumasaka
Assunto:: Atores
Representação teatral
Criação artística
Subjetividade
Issue Date: 2008
Citation: FISCHER, Rodrigo Desider. Caminhos múltiplos: investigações para a montagem da peça EUTRO do Grupo Experimental Desvio. 2008. 173 f., il. Dissertação (Mestrado em Artes)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: O objeto de estudo da presente pesquisa é o trabalho do ator desenvolvido no processo criativo da peça EUTRO do Grupo Experimental Desvio, dentro do qual é investigado como a verdade cênica pode conduzir o trabalho do ator, considerando a identidade do sujeito (ator) e sua subjetividade em cena. A hipótese da presente pesquisa sugere que o ator, ao identificar e considerar suas características subjetivas enquanto sujeito com identidades múltiplas, poderia trabalhá-las em seu processo de criação na montagem teatral de EUTRO, na qual a verdade cênica se realizaria pelo ajuste das características subjetivas do ator com as características de sua personagem. O conceito de verdade cênica, introduzido pelo diretor russo Constantin Stanislavski, foi apropriado pelo Grupo Experimental Desvio quando identificamos que ele trabalhava a verdade em cena de uma maneira muito próxima a que nós idealizávamos. Para Stanislavski, a utilização por um ator dos próprios sentimentos em cena é uma das chaves para a concretização da verdade cênica. Deste modo, decidimos revisar esse conceito de Stanislavski e atualizá-lo, adaptando ao nosso contexto. Depois de atualizar tal conceito, considerando a subjetividade e identidade do sujeito na pós-modernidade, nós delineamos um processo de criação cênica dentro da sala de ensaio junto com o grupo. Assim, foi possível experimentar, principalmente por meio da improvisação, possibilidades dentro desse processo para que o ator pudesse alcançar aquilo que consideramos como verdadeiro em cena. Ou seja, o ator assumir no palco sua presença e a utilização de seus próprios sentimentos e pensamentos a favor de sua personagem. _____________________________________________________________________________ ABSTRACT
The object of this study is the actor’s work developed in the creative process of the play EUTRO performed by Grupo Experimental Desvio, within which it is investigated how the theatrical truth can lead the work of the actor, considering the identity of the subject (actor/performer) and their subjectivity in scene. The hypothesis of this research suggests that the actor who identifies and considers his subjective characteristics as a subject with multiple identities can work through them in the process of creation in the theatrical production of EUTRO, in which the theatrical truth would be achieved throughout the adjusting of the actor’s subjective characteristics with the characteristics of his character. The concept of theatrical truth, introduced by the director Russian Constantin Stanislavski, was appropriated by Grupo Experimental Desvio when they identified that his approach to the truth in scene is very close to what they’d idealized. Stanislavski believes that the use of an actor’s own feelings on the scene is one of the keys to the achievement of theatrical truth. Therefore, we’ve decided to review Stanislavski’s concept and bring it up-todate, adapting it to our context. After updating this concept, taking into account the subjectivity and identity of the subjects in post-modernity, we outlined a process within the rehearsal room in the company of the group. Thus, it was possible to examine, mostly by means of improvisation, possibilities within this process of acting in which the actor is able to achieve what we see as true in scene. That is, the actor takes on his presence and uses his own feelings and thoughts in the scene in favor of his character.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Programa de Pós-Graduação em Arte, 2008.
Appears in Collections:IdA - Mestrado em Artes (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/5668/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.