Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/5073
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_PauloAlexandreMenesesMendes.pdf236,17 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Avaliação dos parâmetros físico-químicos determinados nos certificados oficiais de análise das polpas de frutas com padrões de identidade e qualidade
Outros títulos: Evaluation of the physical-chemical parameters determined in the official analysis certificate of fruit pulp with identity and quality standards
Autor(es): Mendes, Paulo Alexandre Meneses
Orientador(es): Mattos, Jean Kleber de Abreu
Assunto: Lesgislação
Frutas - cultivo
Frutas - qualidade
Data de publicação: Nov-2008
Data de defesa: Nov-2008
Referência: MENDES, Paulo Alexandre Meneses. Avaliação dos parâmetros físico-químicos determinados nos certificados oficiais de análise das polpas de frutas com padrões de identidade e qualidade. 2008. 42 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: O desenvolvimento da atividade de fruticultura é caracterizado pela produção concentrada no período da safra. As frutas, por sua vez, caracterizam-se em geral pela sua alta perecibilidade e fragilidade no manuseio, exigindo atenção especial em diversas fases da cadeia produtiva, principalmente quando da execução de tarefas relacionadas à colheita, ao transporte, ao acondicionamento e ao armazenamento. Ademais, é uma atividade que requer tratos culturais intensivos e um tanto dispendiosos, principalmente quando levada em consideração a necessidade de aplicação dos conceitos das boas práticas agrícolas. A produção mundial de frutas gira em torno dos 690 milhões de toneladas, movimentando recursos financeiros internacionais na casa dos US$ 21 bilhões. Caso sejam acrescentados os valores das frutas processadas, esse valor sobe para US$ 55 bilhões. O Brasil aparece na terceira posição dos maiores produtores mundiais. Sua produção é de 41,2 milhões de toneladas de fruta, estando atrás apenas da China, com 167 milhões de toneladas, e da Índia, com 57,9 milhões de toneladas produzidas. A fruticultura nacional movimentou US$ 5,8 bilhões somente com produtos frescos e US$ 12,2 bilhões quando considerados todos os derivados das frutas. O consumo mundial de frutas tem crescido nos últimos cinco anos a uma taxa média anual de 5,6%. Parte deste crescimento pode ser explicado pela mudança de hábito dos consumidores, os quais cada vez mais procuram nestas a garantia de um alimento saudável e funcional. Segundo a Organização Mundial de Saúde, o consumo per capita recomendado por ano é de 146 kg de frutas. No Brasil, este consumo é de apenas 57 kg. É neste cenário que surge o mercado das polpas de frutas, cujas vantagens vão desde a garantia de oferta dos sabores da fruta durante o ano inteiro, passando pela oportunidade de agregação de valor e pelo aproveitamento do excedente de produção das frutas. Além disso, a polpa facilita o transporte, o armazenamento e possui vida de prateleira de aproximadamente um ano, desde que conservada e exposta ao consumo de maneira adequada. A região Nordeste destaca se na produção de frutas e, portanto, apresenta potencial de produção de polpas também. Baseado neste fato, este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar os parâmetros físico-químicos determinados nos certificados oficiais de análise das polpas com padrões de identidade e qualidade estabelecidos pela legislação vigente. Estes certificados foram levantados junto ao Laboratório Nacional Agropecuário (LANAGRO), o qual centraliza o recebimento e executa as análises das amostras de polpas coletadas nos estados da mesma região em ações rotineiras da fiscalização federal agropecuária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
The fruit-culture activity is characterized by the production concentrated in the harvest period. Fruits, however, are known for being, in general, easily perishable and fragile to handle products that require special attention during the different phases of the productive chain, mainly in the tasks related to harvest, transport, packaging and storage. Furthermore, it is an activity that requires intensive and quite expensive cultural traits, especially when taking into consideration the need to apply the concepts of good agricultural practices. The world production of fruit is around 690 million tons and involves international financial resources of approximately US$ 21 billion. If processed fruit products are included in the computation this amount reaches US$ 55 billion. Brazil ranks third among the leading world fruit producers. Brazil produces 41.2 million tons of fruit, ranking after China, which produces 167 million tons, and India with a production of 57.9 million tons. The national fruit-culture market represents US$ 5.8 billion, when taking into consideration only fresh products and US$ 12.2 billion when all the fruit derivative products are considered. The fruit consumption around the world has increased in the last five years at an average annual rate of 5.6 %. Part of this increase can be explained by the change in the consumers’ consumption habits who seek in fruit a guaranteed healthy and functional food. According to the World Health Organization, the recommended per capita consumption is of 146 kg of fruit per year. In Brazil the annual fruit consumption is only 57 kg. It is in this scenario that the fruit pulp market emerges. The advantages of the fruit pulp range from the guaranteed offer of different fruit tastes around the year to the opportunity of adding value and the possibility of using fruit production surplus. Besides, it is easier to transport and storage fruit pulp and its shelf life is of approximately one year, provided that it is properly conserved and exposed. The Northeast region is well-known for its fruit production and, therefore, it has also a potential for producing fruit pulp. Based on this fact, this study evaluates the physical chemical parameters determined in the official analysis certificates of fruit pulps with identity and quality standards set by the current legislation. These certificates were obtained from the Laboratório Nacional Agropecuário (LANAGRO) [National Agricultural and Livestock Laboratory] , which centralizes the receiving and analyses of fruit pulp samples collected in the states of the Northeast region during routine federal agricultural inspection activities of the Ministry of Agriculture, Livestock and Supply [Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA].
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2008.
Aparece nas coleções:FAV - Mestrado em Ciências Agrárias (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.