Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/4763
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Livia Costa da Silveira.pdf490,33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Ciência, tecnologia, inovação e vigilância sanitária
Autor(es): Silveira, Lívia Costa da
Orientador(es): Paula, Maria Carlota de Souza
Assunto: Vigilância sanitária
Saúde pública
Tecnologia - aspectos sociais
Data de publicação: 20-Mai-2010
Data de defesa: Mai-2006
Referência: SILVEIRA, Lívia Costa da. Ciência, tecnologia, inovação e vigilância sanitária. 2006. 105 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Desenvolvimento Sustentável)—Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
Resumo: A vigilância sanitária constitui um campo da saúde pública que tem como objeto a proteção e a defesa da saúde individual e coletiva. Este trabalho apresenta uma discussão sobre as interações entre ciência, tecnologia, inovação e vigilância sanitária, a partir da dicotomia benefícios versus riscos. Além dos aspectos gerais concernentes ao tema, esta dissertação focaliza a situação específica do controle sanitário de serviços de saúde no Brasil. Cada dia mais, os avanços científicos e tecnológicos e as inovações trazem novas soluções e também novos desafios para o campo da vigilância sanitária. As respectivas instituições e, mais recentemente, as agências regulatórias, devem adotar critérios adequados – e que demandem cada vez mais um acompanhamento contínuo dos conhecimentos – para a análise de risco dos produtos e serviços, bem como uma atitude permanente de acompanhamento e avaliação das condições que se apresentam, para proteger a saúde da população. Por um lado, torna-se necessário adequar os regulamentos e procedimentos, entre outros fatores, ao constante aparecimento e incorporação de conhecimentos e de tecnologias, às inovações. Por outro, é necessário usar os instrumentos proporcionados pelo desenvolvimento científico e tecnológico, que propicia mais conhecimentos e melhores condições para que a vigilância sanitária possa realizar sua missão. Nesse processo, além dos avanços em diagnósticos e tratamentos, dos produtos e equipamentos, é importante enfatizar as inovações gerenciais, administrativas e estruturais, a revolução das tecnologias de informação e comunicação, além de tecnologias específicas do campo da saúde, sendo estratégico o papel da gestão do conhecimento nesse contexto. Com esse enfoque, nesta dissertação se analisa o caso da vigilância sanitária no Brasil, buscando despertar a atenção e gerar sugestões para o aperfeiçoamento desse campo, com ênfase nas ações da Anvisa e a necessidade de esta agência consolidar-se como coordenadora do Sistema de Vigilância Sanitária Nacional. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This work develops a discussion on science, technology, innovation and the regulation of health services. It assesses interactions among science, technology and health surveillance innovations based on a benefit-risk approach, and to present the current situation of the regulatory control of health services in Brazil. In modern society, the evolution of science and technology creates a series of benefits and risks to health, which makes the actions of health protection and control more complex. The State uses a set of instruments in order to achieve that. In this context, health surveillance constitutes an area of public health with the aim to protect the health of individuals and the population as a whole. Progressively, scientific and technologic developments and innovations bring new solutions and new challenges for health surveillance. Therefore, regulatory agencies should adopt more complex criteria to assess the risk of health products and services, as well as a permanent work following-up the current conditions to protect the population’s health. This means they need to make their regulations and procedures adequate in accordance with innovations and the evolution of science and technology. It is important to highlight managerial, administrative and structural innovations, the revolution of communication and information technologies, in addition to specific technologies in health. Here, knowledge management is essential. In this dissertation, from these points of view, the case of sanitary surveillance in Brazil is analyzed, trying to call attention and bring suggestions for the improvement of this field, with emphasis in the actions of Anvisa and the need for this Agency to consolidate as the coordinator of the National System of Sanitary Surveillance.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2006.
Aparece nas coleções:CDS - Mestrado Profissional em Desenvolvimento Sustentável: Política e Gestão de Ciência e Tecnologia (Dissertações)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.