Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/3679
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_EfeitoseCustosdaCrise.pdf7,7 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Efeitos e custos da crise financeira e econômica global no Brasil
Outros títulos: Effects and costs of global economic and financial crisis in Brazil
Autor(es): Matias-Pereira, José
Assunto: Crise econômica
Emprego
Crise financeira mundial
Política econômica
Economia
Data de publicação: 2009
Referência: MATIAS-PEREIRA, José. Efeitos e custos da crise financeira e econômica global no Brasil. Observatorio de la Economía Latinoamericana, n. 108, 2009. Disponível em: <http://www.eumed.net/cursecon/ecolat/br/09/jmp.htm>. Acesso em: 22 fev. 2010.
Resumo: Temos como objetivo neste artigo, apoiado nos principais indicadores da economia mundial (WORLD BANK, IMF, OECD, NBER, IEDI, IBGE), promover uma análise preliminar, sobre as perspectivas da intensidade dos efeitos da crise no Brasil, tendo como referência o nível de desaceleração das principais economias mundiais em 2008 e início de 2009. Metodologicamente iremos utilizar duas variáveis econômicas importantes: o crescimento da economia mundial e o comportamento do nível de emprego. Os dados analisados evidenciam que começa a configurar-se o processo de uma forte desaceleração econômica, que deverá prolongar-se nos próximos anos, com efeitos perversos sobre o emprego e a renda das populações mundiais. Concluimos, em relação ao Brasil, diante do agravamento da crise, que o governo federal, com o apoio do parlamento e da sociedade organizada, necessita definir uma nova política econômica para o país, em particular, utilizando com mais intensidade a política fiscal e reduzindo a importância da política monetária, para reverter os impactos socioeconômicos e ambientais decorrentes da crise global. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Our objective in this article, supported in the main indicators of the world economy (WORLD BANK, IMF, OECD, NBER, IEDI, IBGE), promoting a preliminary analysis on the prospects of the intensity of the effects of the crisis in Brazil, with reference to the level of deceleration of the main world economies in 2008 and early 2009. Methodologically we will use two important economic variables: the growth of world economy and the behavior of the level of employment. The analyzed data show that starts to set up the process of a strong economic slowdown, which should extend to the coming years, with effects on employment and income of people worldwide. Conclude, in relation to Brazil, before the worsening of the crisis, the federal government, with the support of parliament and of organized society, need to define a new economic policy for the country, in particular, with more intensity using fiscal policy and reducing the importance of monetary policy, to reverse the social and environmental impacts arising from the global crisis.
Aparece nas coleções:ECO - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.