Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/35393
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_GuizelaEleonoraLimaMollhoff.pdf2,93 MBAdobe PDFView/Open
Title: América Latina em perspectiva : tendências da ativação para o trabalho no capitalismo periférico
Authors: Mollhoff, Guizela Eleonora Lima
Orientador(es):: Teixeira, Sandra Oliveira
Assunto:: Políticas públicas - trabalho
América Latina
Crise
Desigualdade social
Neoliberalismo
Neoconservadorismo
Issue Date: 9-Sep-2019
Citation: MOLLHOFF, Guizela Eleonora Lima. América Latina em perspectiva: tendências da ativação para o trabalho no capitalismo periférico. 2019. 308 f., il. Dissertação (Mestrado em Política Social)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Esta dissertação trata-se de um estudo sobre as políticas de ativação para o trabalho que estão em vigor atualmente nos países latino-americanos e que têm sido implantadas como parte das orientações dos organismos internacionais em resposta aos problemas sociais agravados com a crise estrutural do capital, iniciada em 1968. O objetivo geral foi caracterizar as tendências contemporâneas das políticas de ativação para o trabalho na região latino-americana. Para lograr esse objetivo a pesquisa focou nas políticas e programas que estavam em vigor no período entre 2017 e 2018. Para tanto, partindo da relação de um contínuo desenvolvimento desigual e combinado entre as distintas formações sociais do globo investigou-se a consolidação da região latino-americana como uma região periférica e dependente. Percorrendo desde o período colonial até a fase capitalista do “novo”- imperialismo se estruturaram os aspectos mais perversos de uma ininterrupta subordinação aos centros da economia mundial que condiciona a região a conviver com a cronificação da pobreza, da desigualdade social e do desemprego. Ao analisar 15 países latino-americanos (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Equador, Guatemala, Honduras, México, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai) foram mapeados 53 programas de ativação para o trabalho e as seguintes tendências: a) os programas de ativação para o trabalho estão direcionados principalmente a população em situação de pobreza e/ou vulnerabilidade, que compõe a extensa força de trabalho que não é absorvida no mercado formal de trabalho; b) a principal estratégia utilizada para “ativar” é a Capacitação dos indivíduos; c) os programas em vigor possuem como principal motivação ou intencionalidade política evitar a dependência das populações pobres das prestações do Estado ao mesmo tempo em que visa combater o desestímulo ao trabalho que supostamente essas prestações geram; d) possuem baixa cobertura da população e forte responsabilização individual; e) e são programas implantados pelo Estado neoliberal e neoconservador como uma estratégia de gestão da força de trabalho supérflua que está em permanente condição de não inserção no mercado de trabalho formal.
Abstract: This dissertation it is a research about activation policies to work that are currently in force in Latin American countries and that also have been implemented as part of international organizations’ guidelines in response to social problems intensified by the capital structural crisis initiated in 1968. The main goal of this job was to characterizes the contemporary patterns of activation policies to work in Latin America. To attain this goal, the research focused on policies and programs that were in force between 2017 and 2018. Therefore, starting from the idea of a relation of an unequal and combined ongoing development among the different social formations of the globe, it was investigated the consolidation of Latin America region as peripheral and dependent region. Covering from the colonial period to the capitalist phase of “new imperialism”, it is observed that the cruelest aspects of a continuous subordination to the global economy centers, what determines the region to live with the chronification of poverty, social inequality and unemployment. In analyzing fifteen Latin American countries, which are: Argentina, Bolivia, Brazil, Chile, Colombia, Costa Rica, El Salvador, Ecuador, Guatemala, Honduras, Mexico, Panama, Paraguay, Peru and Uruguay. It were mapped fifty-three activation to work programs and the following patterns: a) the activation programs to work are mainly directed to the population in situation of poverty and/or vulnerability, and that composes extensive work force which it is not absorbed by the formal labor market; b) the main strategy used to “activate” it is the capacitation of individuals; c) the programs currently in force have as their main political motivation or intentionality to avoid the poor population dependency of the State’s installments, at the same time that aims to fight the discouragement to work that these installments supposedly generate; d) these programs have a low covering of the population and also have a strong accountability of the individual; e) the programs are implemented by the neoliberal and neoconservative State as a strategy to manage the superfluous work force, which are in a permanent condition of non-insertion in the formal labor market.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPq).
Appears in Collections:SER - Mestrado em Política Social (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/35393/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.