Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/35387
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_AndréLuizCordeiroCavalcanti.pdf1,48 MBAdobe PDFView/Open
Title: Ensaios sobre globalização, crescimento econômico e distribuição de renda
Authors: Cavalcanti, André Luiz Cordeiro
Orientador(es):: Oreiro, José Luís da Costa
Assunto:: Distribuição de renda
Globalização
Crescimento econômico
Pós-keynesianismo
Issue Date: 2-Sep-2019
Citation: CAVALCANTI, André Luiz Cordeiro. Ensaios sobre globalização, crescimento econômico e distribuição de renda. 2019. [114] f., il. Tese (Doutorado em Economia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Esta tese é composta por três ensaios que tratam, respectivamente de: globalização financeira e desigualdade de renda e riqueza; mobilidade de capitais e a dinâmica da distribuição de renda em um modelo neo-kaleckiano de crescimento e distribuição de renda; e um estudo empírico sobre abertura da conta de capitais e distribuição de renda na economia brasileira entre os anos de 1995 e 2015. O primeiro ensaio apresenta um ampla revisão da literatura em que é possível levantar as principais artigos que relacionam globalização e desigualdade de renda; com os resultados foi possível identificar que 61,9% dos estudos analisados afirmam que de algum modo a globalização aumenta a desigualdade de renda e 40,48% que diminui; verificou-se também que os primeiros trabalhos publicados sobre o tema afirmavam que a haveria aumento na desigualdade em economias ricas ao passo que os países com economias mais frágeis teriam sua desigualdade reduzida; outros cinco estudos não encontraram correlação ou evidência suficiente de que a globalização interfere na desigualdade de riqueza e renda dos países pesquisados; assim ainda que a maioria dos trabalhos pesquisados demonstrem que a globalização aumenta a desigualdade de renda, não é possível concluir os efeitos do fenômeno, principalmente por que a quantidade de conclusões opostas também é consideravelmente alta. O segundo ensaio apresentou um modelo Neo-Keleckiano de crescimento e distribuição de renda para uma pequena economia aberta com mobilidade internacional de capitais, afim de analisar os efeitos dessa mobilidade sobre a taxa de acumulação de capital, a taxa de lucro e a taxa de juros de equilíbrio de longo-prazo do sistema, a fim de identificar efeitos dessa mobilidade sobre a distribuição funcional de renda; foi possível verificar que o grau de abertura da conta de capais impacta positivamente o crescimento do estoque de capital (g ) e negativamente a taxa de retorno do capital (r), sendo com isso, segundo o modelo teórico desenvolvido por Pikkety (2014), um instrumento capaz de contribuir para redução do processo de concentração de renda. Por fim, o terceiro ensaio testa essa relação por meio de um modelo empírico, no qual foi possível identificar que no período sob exame um maior controle na conta de capitais contribui para redução do Índice de Gini, o que representa uma melhoria na desigualdade de renda do país.
Abstract: This thesis is composed of three articles covering topics on financial globalization and income inequality and wealth; mobility of capital and the dynamics of income distribution in a neo- Kaleckian model of income growth and distribution; and an empirical study on the opening of the capital account and income distribution in the Brazilian economy between the years of 1980 and 2015. The first article presents a broad review of the literature in which it is possible to raise the main articles that relate globalization and income inequality; with the results it was possible to identify that 61.9% of the studies analyzed affirm that in some way globalization increases income inequality and 40.48% decreases; it was also found that the earlier published work on the subject stated that there would be an increase in inequality in rich economies while the countries with the most fragile economies would have their inequality reduced; other 5 studies have found no correlation or sufficient evidence that globalization interferes with the inequality of wealth and income of the countries surveyed; so even though most of the studies surveyed show that globalization increases income inequality, it is not possible to conclude the effects of the phenomenon, mainly because the number of opposing conclusions is also considerably high. The second essay presented a Neo-Keleckian model of growth and income distribution for a small open economy with international capital mobility, in order to analyze the effects of this mobility on the rate of capital accumulation, the rate of profit and the interest rate long-term equilibrium of the system in order to identify the effects of this mobility on the functional distribution of income; it was possible to identify that the degree of openness of the capital account positively impacts capital stock growth (g) and negatively the rate of return on capital (r), and according to the theoretical model developed by Pikkety (2014) an instrument capable of reducing the income concentration process. Finally, the third essay tests this relationship through an empirical model, in which it was possible to identify that during the period under review a greater control in the capital account contributes to the reduction of the Gini Index, which represents an improvement in income inequality of the country, since the beta coefficient gave significant, showing that the variable is part of the variables that explain, at least in part, the phenomenon.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Departamento de Economia, Brasília, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ECO - Doutorado em Economia (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/35387/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.