Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/35294
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_MurilodaSilvaBarros.pdf1,37 MBAdobe PDFView/Open
Title: Intransitividade cindida em línguas Jê setentrionais
Authors: Barros, Murilo da Silva
Orientador(es):: Alves, Flávia de Castro
Assunto:: Índios - línguas
Linguística histórica
Índios Jê
Intransitividade cindida
Verbos
Issue Date: 15-Aug-2019
Citation: BARROS, Murilo da Silva. Intransitividade cindida em línguas Jê setentrionais. 2019. xi, 117 f., il. Dissertação (Mestrado em Linguística)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Esta dissertação discute a relação entre motivação semântica e a intransitividade cindida em línguas Jê Setentrionais (Timbira, Apinajé, Mẽbêngôkre, Tapayuna e Kĩsêdjê). Para essa discussão, categorizamos verbos intransitivos e descritivos em conjuntos de traços semânticos propostos por Mithun (1991). Os dados utilizados foram obtidos, com algumas exceções, de forma bibliográfica em trabalhos publicados anteriormente. Ela se dividide em três partes: (i). um referencial teórico em que se encontra as principais discussões teóricas sobre o tema de pesquisa; (ii). um estudo sobre a cisão no Canela em que se encontra detalhadamente discussão sobre a língua; e (iii). um estudo comparativo entre os resultados obtidos entre as línguas Jê Setentrionais. Os resultados encontrados com a separação dos verbos apontam uma tendência dos verbos marcados com argumentos Sa possuírem os traços [+evento] e [+P/E/I] e dos verbos marcados com argumentos So possuírem os traços [-evento], [-P/E/I] e [- controle]. Concluímos, portanto, que a cisão morfossintática acompanha uma cisão semântica. Além disso, os resultados mostraram que os traços [controle] e [afetação] não interferem na dinâmica cisão/semântica para o grupo de línguas. No que se refere à classe de descritivos, cabe destacar que verificamos que ela está distribuída ao longo dos seis diferentes conjuntos de traços semânticos. A apresentação dos resultados obtidos com a pesquisa é acompanhada da discussão sobre assuntos comuns à intransitividade cindida como, por exemplo, a classe lexical dos descritivos, a proximidade ou distância entre línguas do ramo Setentrional e comparação com as análises anteriores.
Abstract: This thesis aims to discuss the relation between semantic motivation and split intransitiivty in the North-Jê languages (Timbira, Apinajé, Mẽbêngôkre, Tapayuna e Kisêdjê). For this purpose, we clustered intransitive and descriptive verbs in semantic features proposed by Mithun (1991). The data was obtained, with some exceptions, in grammar bibliographical works. The thesis is organized in three parts: (i). theoretical chapter about the main discussions on the researches; (ii). chapter that deals with the Canela´s split intransitivity which there is a discuss about the language; (iii). comparative study with the numbers obtained between the Jê Northern languages. The results suggest that verbs intransitives have the feature [event] and [P/E/I], while descriptives are marked with the features [event], [P/E/I] and [control]. Therefore, one can assume that split intransitivity in those languages are motivated by the semantics implied. We concluded that the morphosyntactic split accompanies a semantic split. Furthermore, the results showed that the features [control] and [affectedness] involved in languages as Lakhota and Central Pomo do not interfere in rupture in North-Jê languages. For descriptives, we must report that they are distributed throughout the six different sets of semantic features. This text presents the results of research and also discusses themes such as the lexical class of descriptives, the proximity between languages of the Northern branch and a comparasion with the previous analyzes on semantic motivation in those languages.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Clássicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:LIP - Mestrado em Linguística (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/35294/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.