Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/35204
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_IagoCotrimHenriques.pdf2 MBAdobe PDFView/Open
Title: Eficiência do setor bancário brasileiro : modelo DEA dois estágios com regressão truncada bootstrapped
Authors: Henriques, Iago Cotrim
Orientador(es):: Sobreiro, Vinicius Amorim
Assunto:: Setor bancário
Análise envoltória de dados
Desempenho - avaliação
Issue Date: 31-Jul-2019
Citation: HENRIQUES, Iago Cotrim. Eficiência do setor bancário brasileiro: modelo DEA dois estágios com regressão truncada bootstrapped. 2019. xxiv, 172 f., il. Dissertação (Mestrado em Administração)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Tendo em vista a importância e a complexidade do setor bancário, esse setor tem sido foco de muitos estudos de eficiência. Nesse sentido, dentre as técnicas existentes para mensuração do desempenho, a Análise Envoltória de Dados (DEA) tem se destacado por necessitar de poucas informações prévias e a possibilidade de lidar com processos produtivos complexos, como é o caso do setor bancário. Entretanto, os modelos Data Envelopment Analisys (DEA) tradicionais são frequentemente criticados por não reconhecerem que fatores ambientais, exógenos, podem influenciar os índices de eficiência. Diante desse contexto, os modelos dois estágios externos têm ganhado notoriedade por justamente possibilitar superar tais limitações. O presente estudo utilizou um modelo dois estágios DEA com regressão truncada bootstrapped com o objetivo de mensurar a eficiência do setor bancário brasileiro no ano de 2018, considerando tanto a abordagem de intermediação quanto a de produção na seleção das variáveis. Além disso, buscou-se verificar se variáveis não discricionárias como o controle estatal, o fato de ser estrangeiro, risco de crédito, capitalização e lucratividade impactam na eficiência dos bancos, tanto em seu papel de intermediador financeiro, quanto na função de ofertar serviços aos clientes. Cinco amostras foram utilizadas, em que o maior valor de eficiência média no modelo de intermediação foi 62,13% na Eficiência Puramente Técnica (EPT) e 46,75% na Eficiência Técnica (ET), enquanto que o maior valor médio da eficiência livre de viés foi de 45,20% e 36,49%, respectivamente. Para o modelo de produção, o maior valor da eficiência média foi de 79,94% em EPT e 67,41% em ET, ao passo que após a correção de viés essa eficiência foi de 66,53% e 57,46%, respectivamente. As hipóteses em relação a lucratividade e capitalização foram confirmadas, enquanto que para a variável controle estatal o impacto se alterou de acordo com o escopo considerado, confirmando a hipótese no que tange ao modelo de produção e rejeitando para o modelo de intermediação. O controle estrangeiro apresentou relação negativa com a eficiência, indicando a rejeição da hipótese, e a variável risco de crédito não foi significativa no modelo de produção e teve, em sua maioria, relação positiva com a eficiência no modelo de intermediação, sugerindo também a rejeição da hipótese proposta. Implicações dos resultados foram discutidas e medidas para impulsionar a eficiência do setor foram indicadas.
Abstract: Given the importance and complexity of the banking sector, this sector has been the focus of many efficiency studies. In this sense, among the techniques for measuring performance, Data Envelopment Analisys (DEA) has been highlighted because it requires few prior information and enables to deal with complex production processes, such as the banking sector. However, traditional DEA models are often criticized for not recognizing that exogenous, environmental factors can influence efficiency. Given this context, the external two-stage DEA models have gained notoriety for precisely making it possible to overcome such limitations. The present study used a two-stage DEA model with Bootstrap Truncated Regression with the objective of measuring the efficiency of the Brazilian banking sector in 2018, considering both the intermediation approach and the production approach in the selection of variables. In addition, this study sought to verify whether non-discretionary variables such as state control, the fact of being foreign, credit risk, capitalization and profitability impacts on banks’ efficiency, both in their role of financial intermediary and in the function of offering services to clients. Five samples were used, in which the highest average value of efficiency in the intermediation model was 62.13% in PTE and 46.75% in TE, while the highest average bias corrected efficiency value was 45.20% and 36.49%, respectively. For the production model, the average efficiency was 79.94% in PTE and 67.41% TE, while after the bias correction this efficiency was 66.53% and 57.46%, respectively. The hypotheses regarding profitability and capitalization were confirmed, while for the variable state control the impact changed according to the scope considered, confirming the hypothesis regarding the production model and rejecting it for the intermediation model. Foreign control presented a negative relation with efficiency, indicating the rejection of the hypothesis, and the credit risk variable was not significant in the production model and presented, in most cases, positive relation with the efficiency in the intermediation model, also suggesting the rejection of the hypothesis proposed. Implications of the results were discussed and measures to boost the efficiency of the sector were indicated.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Administração (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/35204/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.