Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/35202
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_DavidSilvadeQueiroz.pdf10,55 MBAdobe PDFView/Open
Title: Transecta sísmica N-S através do depocentro da Bacia do Parnaíba : aproximação por função do receptor e CCP
Other Titles: Seismic transition N-S through the Parnaíba Basin depocenter : approximation by receiver and CCP function
Authors: Queiroz, David Silva de
Orientador(es):: Fuck, Reinhardt Adolfo
Coorientador(es):: Soares, José Eduardo Pereira
Assunto:: Bacia do Parnaíba
Bacias (Geologia)
Geofísica
Geologia
Issue Date: 31-Jul-2019
Citation: QUEIROZ, David Silva de. Transecta sísmica N-S através do depocentro da Bacia do Parnaíba: aproximação por função do receptor e CCP. 2019. v, 66 f., il. Dissertação (Mestrado em Geologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: A Bacia do Parnaíba é uma bacia tipo sag localizada no norte do território brasileiro, com espessura máxima de 3,5 km, delimitada a norte pelo Cráton São Luís, a leste pela Província Borborema, a sul pelo Cráton São Francisco e a oeste pelo Cráton Amazônico. Com o objetivo de melhor compreender sua gênese e evolução, foi realizado o Parnaíba Basin Analysis Program (PBAP), um programa envolvendo estudos geofísicos e geológicos financiado pela British Petroleum (BP) em parceria com universidades brasileiras e britânicas. Neste contexto está inserido o perfil PBAP-NS com aproximadamente 660 km de extensão, atravessa a Bacia do Parnaíba de norte a sul. No estudo foram instalas 26 estações triaxiais equiespaçadas de aproximadamente 25 km entre Julho de 2017 e Dezembro de 2018. Os dados adquiridos foram processados pelo método função do receptor, em seguida migrados para profundidade pela técnica common conversion point (CCP). Os resultados obtidos permitiram dividir a crosta sob o perfil em 3 domínios baseados na razão Vp/Vs. O Domínio 1, a sul do perfil apresenta os menores valores da razão Vp/Vs, nele as fases Ps e múltiplas são claras, sendo possível identificar alinhamentos nas componentes radiais em torno de 2,5-3 s e nas fases positivas em torno de 20-25 km no modelo CCP, interpretados como limite crosta superior-inferior . O Domínio 2, localizado na porção central do perfil apresenta valores de Vp/Vs mais elevados ~1,8. O Domínio 3, norte do perfil apresenta valores de Vp/Vs próximos a 1,74. Os dois últimos estão associados a intrusões máficas, interpretadas como underplating. A profundida da Moho ao longo do perfil varia de ~39 km ao sul, à ~45 km ao norte, onde é observada a maior espessura no underplating. A variação da espessura na crosta, é acompanhada pelo aumento na espessura da bacia na mesma direção, em especial na sub-bacia do Grajaú (Cretáceo). O Domínio 3 apresenta baixos valores para Vp/Vs, interpretados como limitação do método Hk-stacking em convergir corretamente os valores, devido ausência das múltiplas (Ppps e Psps) nos traços, uma vez que nesta região ocorre intenso magmatismo, sendo esperado valores elevados para esta razão.
Abstract: The Parnaíba Basin is a sac type basin, located in the northern territory of Brazil, with a maximum thickness of 3.5 km, bounded on the north by the São Luís Craton, on the east by the Borborema Province, on the south by the São Francisco Craton and on the west by the Craton Amazonian. With the objective to better comprehend its genesis and evolution, the Parnaíba Basin Analysis research projetc was performed, evolving geophysical and geological studies, sponsored by British Petroleum (BP) in partnership with brazilian and british universities. In this context it’s inserted PBAP-NS profile, with approximately 660 km long, it crosses Parnaíba Basin from north to south. In the study were used 26 triaxial stations, evenly spaced by 25 km, between July, 2017 and December, 2018. The acquired data were processed by Receiver Function method, and then, deep migrated by the Common Convertion Point technique. The obtained results allowed the division of three domains based in Vp/Vs ratio. The Domain 1, situated southernmost, present the lowest observed Vp/Vs ratio, with clear Ps and multiples phases, defining lineaments on radial components (2, 5-3 s) and positive phases around 20-25 km in CCP model, interpreted here as inferior/superior crust limit. The domains 2, located in the central portion of the profile, present higher Vp/vS ratio ~ 1.8. The Domain 3, occupying the northernmost portion, present Vp/Vs ration close to 1.74. The two former domains are associated to mafic intrusions, interpreted as an underplating. Moho depth along the profile varies from 39 km, to the south, and 45 km, to the north, where is observed the higher thickness of the underplating. The crust´s thickness floating is accompanied by an increasing of Parnaíba Basin´s thickness in the same direction, especially in Cretaceous Grajaú Sub-basin. The Domain 3 shows low Vp/Vs ratio, interpreted as a limitation of the Hk-stacking in correctly converting the values, due to absence of multiple (Ppps and Psps) since in this region occur intense magmatism, being expcted high Vp/Vs values.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Programa de Pós-Graduação em Geologia, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/35202/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.