Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/34409
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_AlessandraPintoRosendo.pdf1,63 MBAdobe PDFView/Open
Title: Transferência de função e reorganização de classes de equivalência relacionadas a gênero e profissões
Authors: Rosendo, Alessandra Pinto
Orientador(es):: Melo, Raquel Maria de
Assunto:: Equivalência de estímulos
Diferencial semântico
Transferência (Psicologia)
Issue Date: 23-Apr-2019
Citation: ROSENDO, Alessandra Pinto. Transferência de função e reorganização de classes de equivalência relacionadas a gênero e profissões. 2018. x, 82 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências do Comportamento)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: Esse estudo investigou o efeito do treino de reversão na reorganização de classes que contém estímulos abstratos (conjunto de estímulos B, C e D) e profissões relacionadas aos gêneros masculino, feminino ou ambos (estímulos do conjunto A). Os participantes, 48 estudantes universitários, foram organizados em Grupo Controle 1 (N=16), Grupo Controle 2 (N=16), Grupo Experimental 1 (N=8) e Grupo Experimental 2 (N=8). Os grupos experimentais foram expostos a Etapa 1, composta por treinos de pareamento ao modelo com atraso (DMTS) das relações AC, BC e CD e Treino Misto AC/BC/CD, seguido do Teste de Formação de classes de equivalência. Entretanto, apenas o Grupo Experimental 1 foi submetido a Etapa 2, que consistiu em treinos de reversão CDr e EDr (que utilizou adjetivos relacionados às profissões - conjunto de estímulos E), seguido pelo Treino Misto AC/BC/CDr/EDr e por fim, ao Teste de Reorganização de classes. Ao final das etapas, os grupos experimentais foram expostos ao Diferencial Semântico e ao IRAP para verificar a transferência de significado de acordo com os treinos das relações condicionais e as classes formadas. O Diferencial Semântico foi utilizado para avaliar os estímulos A1¹ (Trabalhadora Doméstica), A2¹ (Comerciante) e A3¹ (Mecânico) e D1, D2 e D3 (símbolos abstratos) e no IRAP foram avaliadas relações entre os estímulos abstratos D1 e D3 com as profissões relacionadas aos gêneros masculino (A3) e feminino (A1). O Grupo Controle 1 foi exposto apenas ao Diferencial Semântico e o Grupo Controle 2 ao IRAP. Os participantes dos grupos experimentais formaram três classes de equivalência, com quatro elementos cada (A1B1C1D1, A2B2C2D2 e A3B3C3D3). No entanto, nos testes de reorganização, o critério exigido de 91% de acerto (1 erro, no máximo) foi atingido apenas no bloco de simetria, e de forma parcial nos blocos de transitividade e equivalência pelos participantes do Grupo Experimental 1. Esses resultados sugerem um possível efeito do procedimento em DMTS na obtenção de respostas mais precisas nos testes de reorganização. As avaliações dos estímulos dos conjuntos A e D no Diferencial Semântico corroboraram os resultados dos testes e indicaram a reorganização parcial e a transferência de função para algumas escalas. Entretanto, os resultados do IRAP foram inconclusivos. Esse estudo contribui para a investigação de aspectos que podem afetar a ocorrência da reorganização de classes de equivalência que contêm estímulos com significado social (palavras referentes a profissões e gênero) e pela utilização dos instrumentos Diferencial Semântico e IRAP com a finalidade de medir a transferência de função entre estímulos. Estudos posteriores devem investigar como outras variáveis afetam a reorganização de classes, tais como a utilização de diferentes tipos de estímulos com significado social.
Abstract: This study investigated the effect of reversal training on the reorganization of classes with abstract stimuli (stimuli B, C and D) and professions related to masculine, feminine or both genders (stimuli A). The participants, 48 university students, were distributed in a Control Group 1 (N = 16), Control Group 2 (N = 16), Experimental Group 1 (N = 8) and Experimental Group 2 (N = 8). The experimental groups were exposed to Step 1, comprised for trainings in a delayed matching to sample (DMTS) format of AC, BC and CD relations and AC/BC/CD mixed training, followed by the Class Formation Test. Only Experimental Group 1 was exposed to Step 2, which consisted of CDr and EDr reversal trainings (with adjectives related to professions - E stimuli), AC/BC/CDr/EDr mixed training and Reorganization Tests. After steps, the experimental groups were exposed to the Semantic Differential and IRAP to verify the transfer of meaning according to conditional relations trainings and equivalence classes formed. The Semantic Differential was used to evaluate the A1¹ (Domestic Worker), A2¹ (Merchant), A3¹ (Mechanical), and D1, D2 and D3 (abstract symbols) stimuli and in IRAP the relations between abstracts stimuli D1 and D3 with the professions related to masculine (A3) and feminine (A1) genders were evaluated. The Control Group 1 was exposed only to Semantic Differential and Control Group 2 to IRAP. The participants of the experimental groups formed three equivalence classes, each with four members (A1B1C1D1, A2B2C2D2 and A3B3C3D3). However, in the Reorganization Tests, the criterion of 91% accuracy was obtained only in the symmetry block, and partially in transitivity and equivalence blocks by the participants of Experimental Group 1. The results suggest a likely effect of DMTS procedures use to obtaining accurate answers in the reorganization tests. The evaluations of stimuli sets A and D in the Semantic Differential corroborated the results of tests and indicate partial reorganization and the transfer of function for some scales. However, the IRAP results were inconclusive. The present work contributes to the investigation of aspects that may affect the reorganization of equivalence classes that contain socially relevant stimuli (words referring to professions and gender) and by the use of Semantic Differential and IRAP instruments to measure the transfer of function between stimuli. Further studies should investigate how other variables affect the reorganization of classes, such as the use of different types of stimuli with socially meaning.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Processos Psicológicos Básicos, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Comportamento, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:PPB - Mestrado em Ciências do Comportamento (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/34409/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.