Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/34081
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_MariaMonicaPinheiro-Cavalcanti.pdf2,53 MBAdobe PDFView/Open
Title: O desenvolvimento da criatividade profissional : compreensões possíveis na perspectiva da subjetividade
Authors: Cavalcanti, Maria Mônica Pinheiro
Orientador(es):: Mitjáns Martínez, Albertina
Assunto:: Subjetividade
Criatividade
Trabalho - aspectos psicológicos
Criatividade no trabalho
Desenvolvimento humano
Criatividade (Educação)
Issue Date: 27-Feb-2019
Citation: CAVALCANTI, Maria Mônica Pinheiro. O desenvolvimento da criatividade profissional: compreensões possíveis na perspectiva da subjetividade. 2018. 304 f., il. Tese (Doutorado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: Essa pesquisa foi fundamentada na perspectiva da Criatividade de Mitjáns Martínez que assume a Teoria da Subjetividade sob o enfoque cultural-histórico de González Rey. A partir da criatividade compreendida como expressão subjetiva, objetivou-se compreender a configuração subjetiva da criatividade profissional, como forma de avançar na compreensão do desenvolvimento da criatividade. A metodologia de pesquisa qualitativa utilizada foi construtiva-interpretativa, modelo desenvolvido por González Rey especificamente para o estudo da subjetividade, conforme os fundamentos da Epistemologia Qualitativa. Foram realizados dois estudos de caso com profissionais de reconhecida criatividade no campo da beleza e no campo do jornalismo, respectivamente. O processo de construção das informações compreendeu o uso de diversificados instrumentos orais, escritos e imagéticos, com destaque das dinâmicas conversacionais. Tal processo permitiu inteligibilidade acerca de sentidos subjetivos, produzidos por cada participante ao viver suas experiências, associados a diferentes espaços sociais de ação e relação, favorecedores do desenvolvimento de recursos subjetivos que contribuíram para tornar a criatividade possível em seus respectivos campos profissionais de atuação. Assim, essa pesquisa nos permitiu fundamentar a tese de que o desenvolvimento da criatividade profissional ocorre a partir de sentidos subjetivos produzidos em experiências diversas, em diferentes contextos sociorrelacionais, que favorecem a posição de sujeito e se expressam nos recursos subjetivos que integram a configuração subjetiva da criatividade profissional, tornando possível a expressão criativa em campo/s específico/s de atividade profissional. Essa pesquisa transcende a forma tradicional de compreensão do desenvolvimento da criatividade, especialmente por evidenciar a criatividade profissional não como reflexo de contextos como um todo, mas a partir da produção de sentidos subjetivos perante experiências específicas em diferentes contextos que se integram na configuração subjetiva da criatividade profissional.
Abstract: The present research was based on the creativity perspective of Mitjáns Martínez, which assumes the Subjectivity Theory under the cultural-historical understanding of González Rey. Based on creativity, understood as a subjective expression, the objective was to understand the subjective configuration of professional creativity, as a way of further understanding the development of creativity. The qualitative research methodology used was the constructive-interpretive, a model developed by González Rey with a specific format for the study of subjectivity as it bases the Qualitative Epistemology. Two case studies were carried out with professionals of recognized creativity, one in the field of beauty and the other in the field of journalism. The process of information construction understood the use of a variety of oral instruments, written and imagery, highlighting the conversational dynamics.This specific process allowed the clarity of the subjective senses produced by each participant in the experience of their experiences, associated to different social spaces of action and relationship, favoring the development of subjective resources, which contributed to make creativity possible in their respective professional fields of action. Thus, this research allowed us to base the thesis that, the development of professional creativity occurs from subjective senses produced in different experiences, in different sociorelational contexts, which favors the position of the subject and they are expressed in the subjective resources. That integrates the subjective configuration of professional creativity, enabling the creative expression in a specific field(s) of the professional activity. This research transcends the traditional way of understanding the development of creativity, especially for evidencing professional creativity, not as a reflection of contexts as a whole, but from the production of subjective meanings, before the specific experiences in different contexts that are integrated in the subjective configuration of professional creativity.
Resumen: El presente estudio fue fundamentado en la concepción de creatividad de Mitjáns Martínez, que asume la Teoría de la Subjetividad en la perspectiva cultural- histórica de González Rey. A partir de la creatividad, comprendida como expresión subjetiva, se objetivó comprender la configuración subjetiva de la creatividad profesional como forma de avanzar en la comprensión del desarrollo de la creatividad. La metodología de investigación cualitativa utilizada fue la constructiva-interpretativa, modelo desarrollado por González Rey específicamente para el estudio de la subjetividad conforme fundamenta la Epistemología Cualitativa. Fueron realizados dos estudios de caso con profesionales de reconocida creatividad, uno en el campo de la belleza y otro en el campo del periodismo. El proceso de construcción de las informaciones comprendió el uso de diversos instrumentos orales, escritos e gráficos, con destaque en las dinámicas conversacionales. Tal proceso permitió la inteligibilidad de sentidos subjetivos producidos por cada participante en la vivencia de sus experiencias asociadas a diferentes espacios sociales de acción y relación, favorecedores del desarrollo de recursos subjetivos que contribuyeron a hacer la creatividad posible en sus respectivos campos profesionales de actuación. Así, el estudio nos permitió fundamentar la tesis de que, el desarrollo de la creatividad profesional ocurre, a partir de sentidos subjetivos producidos en experiencias diversas, en diferentes contextos sociorelacionales, que favorecen la posición de sujeto y se expresan en los recursos subjetivos que integran la configuración subjetiva de la creatividad profesional, permitiendo la expresión creativa en campos específicos de actividad profesional. Este estudio supera la forma tradicional de comprensión del desarrollo de la creatividad, especialmente por evidenciar la creatividad profesional no como reflejo de contextos como un todo, sino a partir de la producción de sentidos subjetivos ante experiencias específicas en diferentes contextos que se integran en la configuración subjetiva de la creatividad profesional.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FE - Doutorado em Educação (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/34081/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.