Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/34023
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_JulianaRampimFlorêncio.pdf2,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Comer e cozinhar : revelando tramas e práticas alimentares como possibilidades de representação e identidades nas feiras do Guará e da Torre de TV
Outros títulos: Eating and cooking : revealing plots and nutritional practices as possibilities of representation and identities at Feira do Guará and Feira da Torre de TV
Autor(es): Florêncio, Juliana Rampim
Orientador(es): Barroso, Eloisa Pereira
Assunto: Memória coletiva
Representações identitárias
Identidade cultural
Torre de TV de Brasília
Feira do Guará (DF)
Data de publicação: 14-Fev-2019
Referência: FLORÊNCIO, Juliana Rampim. Comer e cozinhar: revelando tramas e práticas alimentares como possibilidades de representação e identidades nas feiras do Guará e da Torre de TV. 2018. 122 f., il. Dissertação (Mestrado em História)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Esta dissertação de mestrado busca compreender as representações e identidades culturais, por meio da memória coletiva, a partir das práticas alimentares entendidas como patrimônio cultural presentes na Feira da Torre de TV e na Feira do Guará, no Distrito Federal (DF), no tempo presente. Por serem bastante distintos entre si, estes dois espaços propiciam à pesquisa maior escopo de análise. A pesquisa utiliza duas fontes: o Inventário Nacional de Referências Culturais (INRC), produzido pelo Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Social (IBDS), sob encomenda do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), das Feiras do DF, especificamente as fichas referentes à Feira da Torre e à Feira do Guará; e a fonte produzida pela pesquisadora por meio da História Oral, a partir de entrevistas realizadas com feirantes e frequentadores destes espaços.
Abstract: This dissertation aims to understand the cultural representations and identities, through the collective memory and nutrition practices understood as cultural heritage, that exist on Feira da Torre de TV and Feira do Guará, on Federal District of Brasil, at the present moment. Being very distinct among theirselves, these two places provide for a comprehensive complete analysis. This dissertation uses two sources – the Inventário Nacional de Referências Culturais (INRC) das Feiras do DF, produced by Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Social (IBDS), under request of Instituto Naconal do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan); and the source produced by the author, using Oral History’s methodology, the results of interviews with marketers and visitors.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de História, Programa de Pós-graduação em História, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:HIS - Mestrado em História (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.