Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/33873
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_MárciaMyukiTakenakaFujimoto.pdf1,32 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Abordagem ontológica na gestão de dados : estudo de caso CGU
Autor(es): Fujimoto, Márcia Myuki Takenaka
Orientador(es): Canedo, Edna Dias
Assunto: Ontologia
Gestão de dados
Arquitetura da informação
Controladoria-Geral da União
Data de publicação: 29-Jan-2019
Referência: FUJIMOTO, Márcia Myuki Takenaka. Abordagem ontológica na gestão de dados: estudo de caso CGU. 2018. xii, 77 f., il. Dissertação (Mestrado Profissional em Computação Aplicada)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Este trabalho estuda a utilização da ontologia como abordagem para a gestão e integração de dados, ela é considerada como meio de dominar a complexidade envolvida em ambientes com grande diversidade de fontes de dados. A aplicabilidade variada da ontologia direcionou as investigações deste trabalho no sentido de considerá-la como base de solução apresentada para o estudo de caso considerado: arquitetura da informação para a gestão de dados CGU. A CGU é o Ministério do poder executivo federal com responsabilidade primária pelas ações de controle interno, corretivas e ouvidoria. Além disso, o Órgão é responsável por medidas para promover a transparência e prevenir a corrupção. O desempenho das atividades CGU muitas vezes se faz por meio de consolidação de informações e do cruzamento e mineração de dados. Tais atividades necessitam de uma visão holística e integrada dos seus ativos de dados, porém, a estrutura de gestão de dados existente é elementar e não tem se mostrado efetiva para atender às necessidades CGU. Em razão disso, o Órgão criou, em 2014, um grupo de trabalho para estudar a implementação do processo PO2–Arquitetura da Informação do Cobit 4.1. O grupo apresentou uma proposta de arquitetura da informação, não implementada até o momento, estruturada na forma de um modelo Entidade-Relacionamento (ER) que contemplava metadados das bases de dados do Órgão. No entanto, havia algumas lacunas nesse modelo, as quais motivaram a primeira etapa deste trabalho: uma revisão sistemática explorando o uso de ontologia na gestão de dados. Os resultados obtidos sugestionaram a proposta de adoção de uma abordagem ontológica de gestão de dados e alicerçaram a proposta de modelo para arquitetura da informação subjacente, que se mostrou capaz de trazer melhorias ao modelo originalmente proposto. A principal contribuição deste trabalho para a academia e para outros Órgãos de governo é expor alguns benefícios de se adotar a abordagem ontológica na gestão de dados, com demonstração de aplicabilidade por meio de um protótipo para os domínios de dados da CGU.
Abstract: This work studies the ontology as an approach to the data management and integration, it is considered as a mean to overcome the complexity involved in environments with variety of data sources. The varied applicability of the ontology directed the investigations of this work, which considered it as a base for the solution of the case study: CGU data management information architecture. The Ministry CGU is the arm of the federal executive branch with primary responsibility for internal control, corrective and ombudsman actions. In addition, the agency executes measures to promote transparency and prevent corruption. The performance of its various activities is often done through the consolidation of information, data cross-referencing and mining. Such activities require a holistic and integrated data assets view, nevertheless the existing data management structure is elementary and has not shown to be effective in meeting CGU requirements. As a result, in 2014 the Agency set up a working group to study the Cobit 4.1 PO2 - Information Architecture process implementation. The group presented an information architecture proposal, not implemented until now, structured in the form of a metadata Entity-Relationship (ER) model. However, there were some shortcomings in this model, which motivated the first stage of this work: a systematic review exploring the use of ontology in data management. The obtained results suggested the ontology based data management approach and supported the underlying information architecture proposed, which proved be able to bring about CGU model improvements. The main contribution of this work to the academy and other government offices is to present some ontology based data management benefits, with applicability demonstration by means of CGU data domains prototype.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Ciência da Computação, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:MPCA - Mestrado Profissional em Computação Aplicada (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.