Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/33777
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
EVENTO_ComissõesVerdadeBrasileiras.pdf864,22 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Comissões da verdade brasileiras : das dificuldades de acesso aos arquivos às parcerias com as universidades
Outros títulos: Brazilian truth commissions : difficulties of access to archives and partnerships with universities
Autor(es): Tenaglia, Mônica
Rodrigues, Georgete Medleg
Assunto: Ditadura militar - Brasil
Comissão Nacional da Verdade
Arquivologia
Documentos - acesso
Arquivos e arquivamento (Documentos) - Brasil
Data de publicação: Out-2018
Editora: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI) - Universidade Estadual de Londrina
Referência: TENAGLIA, Mônica; RODRIGUES, Georgete Medleg. Comissões da verdade brasileiras: das dificuldades de acesso aos arquivos às parcerias com as universidades. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 19., 2018, Londrina. Anais... Londrina: UNESP; ANCIB, 2018. Disponível em: . Acesso em: 09 jan. 2019.
Resumo: Apresenta um panorama das principais dificuldades enfrentadas pelas comissões da verdade brasileiras no acesso aos documentos arquivísticos produzidos durante a ditadura militar (1964-1985), e demonstra o papel das universidades, em especial, dos cursos de Arquivologia e História, e das agências de fomento à pesquisa, como facilitadores da relação das comissões da verdade com os arquivos. Fez-se um mapeamento dos relatórios finais das comissões da verdade publicados na internet. Dentre eles, selecionamos os vinte três relatórios que descreveram problemas quanto o acesso aos arquivos. Além disso, utilizamos os dez relatórios e finais que apresentam parcerias com universidades e agências financiadoras. Os resultados evidenciaram que as comissões da verdade enfrentaram obstáculos de diversas ordens referentes ao acesso aos arquivos, quanto ao acesso legal e aos instrumentos de pesquisa. Também apontam que as atividades desenvolvidas com as universidades e agências de fomento referem-se, majoritariamente, a levantamento documental, arranjo e digitalização de documentos, além da produção de pesquisas que compuseram os relatórios finais. Conclui que a persistência das Forças Armadas em não disponibilizar seus acervos afetaram majoritariamente as comissões da verdade; que mais de 80% das comissões da verdade relataram dificuldades de acesso aos arquivos; e que a colaboração entre as comissões da verdade e as universidades poderia ser estendida aos cursos de Arquivologia, uma forma de propiciar maior conscientização entre os alunos sobre o papel dos arquivos nas investigações sobre violações de direitos humanos.
Abstract: It presents an overview of the main difficulties faced by Brazilian truth commissions in accessing archival documents produced during the military dictatorship (1964-1985), and demonstrates the role of universities, especially Archival Studies and History courses, and research and development agencies, as facilitators of the relationship of truth commissions with archives. We mapped the final reports of truth commissions published on the internet. Among tem, we selected the twenty-three reports that described problems with access to archives. In addition, we used the ten reports that presented partnerships with universities and agencies. The results showed that the truth commissions faced obstacles of several orders regarding access to archives, regarding legal access and finding aids. They also point out that the activities carried out with universities and agencies refer, mainly, to records survey, arrangement and digitalization, as well as research that composed the final reports. It concludes that the persistence of the Armed Forces in not making their archives available affected mainly all commissions of truth; that more than 80% of truth commissions reported difficulties in accessing archives; and that collaboration between truth commissions and universities could be extended to archival courses, a way to raise awareness among students about the role of archives in investigating human rights violations.
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da Universidade de Brasília (RIUnB) pela doutoranda Mônica Tenaglia, em 04 de dezembro de 2018, para disponibilizar o trabalho, gratuitamente, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da obra.
Aparece nas coleções:FCI - Trabalhos apresentados em eventos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.