Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/33244
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_MarcosEduardodeAraújoSugizak​i.pdf950,3 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: A alteridade e a letra em John Donne : traduçāo e crítica
Autor(es): Sugizaki, Marcos Eduardo de Araújo
Orientador(es): Siewierski, Henryk
Assunto: Tradução e interpretação
Tradução literária
Donne, John, 1572-1631 - crítica e interpretação
Data de publicação: 20-Dez-2018
Referência: SUGIZAKI, Marcos Eduardo de Araújo. A alteridade e a letra em John Donne: traduçāo e crítica. 2018. 112 f. Dissertação (Mestrado em Estudos da Tradução)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Nesta dissertação, busca-se fazer uma reflexão sobre a alteridade e a letra por meio da tradução do poema Sappho to Philaenis, de John Donne. Primeiramente, é feita a análise do pensamento do período, guiada pelas obras de Rosemond Tuve (1947), Michel Foucault (2000) e Lavinia Silvares (2015). Essa análise leva à constatação de que o melhor caminho para a tradução ética de um poema daquele período deve se pautar pelo conceito de letra de Antoine Berman (2013). Com o objetivo de dar respaldo às escolhas da tradução e de se buscar a alteridade das vozes através dos séculos, são analisadas a fortuna crítica a John Donne até meados do século XX e as traduções de sua obra em língua portuguesa. A crítica das traduções baseia-se no caminho analítico de Berman (2009). Por fim, é apresentada e comentada a tradução do poema Sappho to Philaenis.
Abstract: The purpose of this thesis is to reflect on the alterity and the letter through the translation of the poem Sappho to Philaenis, by John Donne. First of all, the analysis of the period’s thought was made. It was guided by the works of Rosemond Tuve (1947), Michel Foucault (2000), and Lavinia Silvares (2015). Such analysis led to the confirmation that the best way to achieve an ethic translation of a poem of that period is to be guided by the concept of letter made by Antoine Berman (2013). The criticism about John Donne up to the mid-twentieth century and the translations of his work to Portuguese were analysed with the aim of giving support to the translation choices. The translation analysis was based on Berman’s (2009) analytical path. Finally, the translation of Sappho to Philaenis is presented and discussed.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:POSTRAD - Mestrado em Estudos de Tradução

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.