Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/33072
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_AmandaSilvaBezerra.pdf3,07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Considerações sobre conservação da biodiversidade nas ecoregiões do bioma Cerrado
Autor(es): Bezerra, Amanda Silva
Orientador(es): Sano, Edson Eyji
Assunto: Cerrados
Ecorregiões
Sensoriamento remoto
Áreas antropizadas
Conservação da natureza
Data de publicação: 26-Nov-2018
Referência: BEZERRA, Amanda Silva. Considerações sobre conservação da biodiversidade nas ecoregiões do bioma Cerrado. 2018. xii, 85 f., il. Dissertação (Mestrado em Geociências Aplicadas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: O Cerrado é considerado um dos hotspots mundiais para conservação da biodiversidade devido à sua extensa área e abundância de espécies endêmicas. A heterogeneidade biológica de ambientes naturais complexos como o Cerrado tem dificultado a definição de estratégias e metodologias para identificação de áreas prioritárias para conservação da biodiversidade. As ecorregiões são consideradas referências para o desenvolvimento de políticas públicas para conservação da natureza e para o planejamento territorial. Ecorregião é uma unidade geográfica definida como um conjunto de comunidades naturais, geograficamente distintas, que compartilham a maioria das suas espécies, dinâmicas e processos ecológicos e condições ambientais similares, nas quais as interações ecológicas são críticas para sua sobrevivência a longo prazo. O objetivo geral desse estudo foi caracterizar as ecorregiões do bioma Cerrado em termos de áreas antropizadas, áreas protegidas e passivo ambiental ao longo de drenagens de modo a hierarquizar as áreas com prioridade de conservação. Dados de áreas antropizadas analisadas neste estudo foram produzidas pelo projeto de mapeamento de uso e cobertura vegetal do Cerrado denominado TerraClass Cerrado 2013. Os dados de áreas protegidas foram compostos pelos shapefiles das unidades de conservação federal, estadual e municipal e terras indígenas, enquanto os dados de passivo ambiental foram gerados por amostragem, por meio do uso de uma grade regular de 1º x 1º e interpretação visual de imagens do satélite RapidEye. Resultados indicaram grande variação das ecorregiões em termos de ocupação agropecuária (de 2,6% a 71,7%) e baixo percentual de áreas protegidas no Cerrado (média de 7,6%, abaixo da meta internacional que é de 17%). O passivo ambiental médio das áreas de preservação permanente (APPs) ao longo das drenagens foi de 25%, com uma variação de 0,65% a 85%, dependendo da ecorregião. Resultados deste estudo indicaram a necessidade de medidas de conservação da biodiversidade do Cerrado e que a intensidade dessas medidas deve variar dependendo da ecorregião em consideração.
Abstract: The Cerrado is considered one of the world's hotspots for biodiversity conservation due to its extensive area and abundance of endemic species. The biological heterogeneity of complex natural environments such as the Cerrado has made it difficult to define strategies and methodologies to identify priority areas for biodiversity conservation. Ecoregions are considered as references for the development of public policies for environmental conservation and for landscape planning. Ecoregion is a geographic unit defined as a set of geographically distinct natural communities that share most of their species, dynamics and ecological processes and similar environmental conditions in which ecological interactions are critical to their long-term survival. The objective of this study was to characterize the ecoregions of the Cerrado biome in terms of land use, protected areas and environmental liabilities along streams in order to establish priority areas for conservation. Data of land use analyzed in this study were produced by the Cerrado´s land use and cover mapping project called TerraClass Cerrado 2013. Data from the protected areas were composed of shapefiles of conservation units at the federal, state and municipal levels and of indigenous lands, while the environmental liabilities data were generated using a sampling strategy based on a regular grid of 1o x 1o and on the visual interpretation of RapidEye satellite images. Results indicated a great variation of ecoregions in terms of land use (from 2.6% to 71.7%) and a low percentage of protected areas in the Cerrado (an average of 7.6%, below the international target of 17%). The average environmental liability of permanent preservation areas along the streams was 25%, varying from 0.65% to 85%, depending on the ecoregion. Results of this study indicated the need of actions for the Cerrado biodiversity conservation and that the intensity of these actions should vary depending on the ecoregion under consideration.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Programa de Pós-Graduação em Geociências Aplicadas, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:IG - Mestrado em Geociências Aplicadas (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.