Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32751
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_ChristopherFrancoBraga.pdf6,17 MBAdobe PDFView/Open
Title: Financiamento à infraestrutura : o caso do Reator Multipropósito Brasileiro (RMB)
Authors: Braga, Christopher Franco
Orientador(es):: Del Grossi, Mauro Eduardo
Assunto:: Reatores nucleares
Financiamento de infra-estrutura
Financiamento e gastos
Issue Date: 5-Oct-2018
Citation: BRAGA, Christopher Franco. Financiamento à infraestrutura: o caso do Reator Multipropósito Brasileiro (RMB). 2018. 166 f., il. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão Pública)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: Esta dissertação buscou identificar alternativas para viabilizar o financiamento do Reator Multipropósito Brasileiro (RMB) como um caso específico de financiamento à infraestrutura. O RMB é um reator nuclear de pesquisa que tem por objetivo constituir infraestrutura de investigação básica e tecnológica para viabilizar a aquisição de conhecimento, a experiência e a formação para um programa nuclear, com fins pacíficos e com capacidade de gerar produtos e serviços para diversas áreas como medicina, indústria, meio ambiente, ciências nucleares, ciência de materiais, entre outras. A metodologia adotada foi o estudo de caso, de natureza qualitativa, com realização pesquisa bibliográfica e documental, entrevistas abertas e semiestruturadas e o emprego da técnica de análise de conteúdo. De modo geral, observou-se que o Estado tem sido o maior financiador de projetos de infraestrutura no país. A literatura ainda destaca a possibilidade de financiamento por empresas estatais ao se utilizarem de operações de crédito ou até mesmo de receitas próprias. O financiamento à infraestrutura também pode ser viabilizado por meio da formação de consórcios, que poderiam contar inclusive com a participação de fundos de pensão. Foram identificadas alternativas relacionadas a privatização, concessão e modelos de financiamento utilizando-se da estruturação de operações via project finance e do mercado de capitais, sendo necessária maior reflexão acerca do marco regulatório, notadamente em função do atual monopólio da União. Os resultados evidenciaram a ausência de um modelo de negócios para o reator que contemple a atuação dos Ministérios da Saúde, da Defesa, de Minas e Energia e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, além de outros como o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, na comercialização dos produtos a serem gerados a partir da operação do reator, e os da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e da Educação, que podem se valer das pesquisas a serem realizadas no empreendimento.
Abstract: This thesis identifies alternatives of funding the Brazilian Multipurpose Reactor (RMB) with a specific case of funding its infrastructure. RMB is a nuclear research reactor which is used to construct a basic technological investigation to enable the acquisition of knowledge, experience and formation of a nuclear programme, with pacific objectives and a capability to generate products and services in a myriad of areas such as medicine, industry, environment, nuclear sciences, materials science and so on. The methodology used was a qualitative case study, with research of documents, textbooks, open-ended and semi-structured interviews and the use of the content analysis technique. Generally speaking, it was observed that the Brazilian State has been the major funder of infrastructure projects in the country. The literature even highlights the possibility of funding by state companies which use credit operations or even their own revenue. The infrastructure finance can also be enabled by creating partnerships which can even have the participation of pension funds. Alternatives of privatization, concession and funding models have been identified using the project structure via project finance and financial market. A reflection is necessary taking into account the regulatory benchmark, notably due to the State’s current monopoly. The results highlight the absence of a business model for the reactor that encompasses the representation of Ministries of Health, Defence, Industry, Energy and Mining, Technology, Innovations and Communications as well as others such as Ministry of Foreign Affairs in the commercialization of products generated by the operation of the reactor, and the Ministry of Agriculture, Livestock and Supplies and Ministry of Education which can make use of the research done by the project.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Planaltina, Programa de Pós-Graduação em Gestão Pública, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FUP - Mestrado Profissional em Gestão Pública

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/32751/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.