Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32670
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_ShirleyLuannaVieiraPeixotoGenuíno.pdf14,2 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: A influência do ambiente institucional no desempenho de rede de pesquisa
Autor(es): Genuíno, Shirley Luanna Vieira Peixoto
Orientador(es): Hoffmann, Valmir Emil
Coorientador(es): Molina Morales, Francesc Xavier
Assunto: Redes de conhecimento
Gestão do conhecimento
Grupos de pesquisa
Data de publicação: 20-Set-2018
Referência: GENUÍNO, Shirley Luanna Vieira Peixoto. A influência do ambiente institucional no desempenho de rede de pesquisa. 2018. 191 f., il. Tese (Doutorado em Administração)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Redes de conhecimento podem ser compreendidas como um conjunto de indivíduos integrantes de grupos sociais que interagem entre si e geram diversos fluxos de conhecimento. Tendo em vista esse entendimento, o presente trabalho objetivou determinar a influência da gestão do ambiente institucional no desempenho de redes de conhecimento. Para o alcance deste propósito foi desenvolvido um escopo teórico que contemplou os seguintes temas: institucionalismo e suas variações, redes, grupos de pesquisa e governança. Quanto aos aspectos metodológicos, foi realizada uma pesquisa qualitativa e quantitativa de cunho descritivo e explicativo. Os sujeitos do estudo foram os membros de 15 grupos de pesquisa, sendo 9 alocados no Brasil (Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Goiás, Paraíba e Brasília) e 6 em território Europeu, sendo 5 na Espanha, (Alicante, Valência e Castellon de la Plana e Barcelona) e uma pesquisadora vinculada à Universidade de Bolonha (Bologna/Itália). As técnicas de análises utilizada foram Sociometria, Fuzzy Set QCA e Análise de Conteúdo. A Sociometria descreveu de maneira geral o perfil dos casos estudados, observamos questões relacionada à densidade, dimensão, número de interações, ator com maior grau e centralidade de proximidade. A análise Fuzzy Set QCA proporcionou a construção de um modelo de necessidade e suficiência para o alcance de um desempenho mais satisfatório do que insatisfatório. Por fim, a Análise de Conteúdo foi utilizada como método complementar de análises e permitiu estudos sobre governança e gestão dos grupos, bem como de práticas adotadas. Os dados foram colhidos através de entrevistas realizadas presencialmente e via teleconferência, bem como com uso de questionários. Além de dados secundários, coletados na plataforma do CNPQ e em sites oficiais. Os resultados encontrados geraram cinco proposições, que foram: P1 - Os integrantes de redes de conhecimento dispersos geograficamente possuem menor nível de participação em pesquisas em relação aos membros aglomerados; P2 - As redes de pesquisa e de empresas são similares institucionalmente, considerando os resultados alcançados através da dispersão ou aglomeração de seus membros, da existência de coopetição e da possibilidade de estruturação orbital; P3 - As práticas de governança em grupos de pesquisa são indiretas e não formalizadas; P4 - O compartilhamento de ideais do que significa ciência é um critério necessário para o alcance de um desempenho satisfatório em grupos de pesquisa; P5 - As variáveis “Confiança”, “Coautoria”, “Ideais” e “Interações internas e externas” contribuem para o bom desempenho dos grupos. Além destes outros resultados advindos da tese podem ser observados, tais como: em grupos de pesquisa brasileiros as principais questões que impactam o desempenho do grupo têm cunho subjetivo; não foi percebida a presença de uma relação intergrupal formal e sistemática; os grupos de pesquisa brasileiros não utilizam normas formais de para deliberar procedimentos não rotineiros; nos grupos de pesquisas espanhóis, o sistema de progressão de carreira e acesso a recursos são os principais impactantes de desempenho. Quanto às políticas públicas, observamos que a forma de pesquisa no Brasil ocorre majoritariamente em rede. Isso implica que ações que fomentem as transações entre grupos e IES devem ser estimuladas por órgãos reguladores ou de apoio. No que pese as limitações do trabalho, acreditamos que este estudo é relevante para diversas áreas acadêmicas, em especial ao estudo de redes de conhecimento geradas através de grupos de pesquisa.
Abstract: Knowledge networks can be understood as social groups that interact with each other and generate diverse knowledge flows. In the light of this understanding, the present thesis aimed to determine the influence of the institutional environment management on networks of knowledge performance. To achieve this purpose, a theoretical scope was developed, covering the following themes: institutionalism and its variations, networks, research groups and governance. As for the methodological aspects, a qualitative and quantitative research of descriptive and explicative character was carried out. The study subjects were the members of 15 research groups, nine of them in Brazil (Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Goiás, Paraíba and Brasília) and six in European territory, five in Spain (Alicante, Valencia and Castellon de la Plana and Barcelona) and a researcher linked to the University of Bologna (Bologna / Italy). The analysis techniques used were Sociometry, Fuzzy Set QCA and Content Analysis. Sociometry described cases profile, in which were observed issues related to density, size, number of interactions, actor with higher degree and centrality of proximity. The Fuzzy Set QCA analysis allowed the construction of a model of necessity and sufficiency to achieve a more satisfactory than unsatisfactory performance. Finally, Content Analysis was used as a complementary method and allowed studies on governance and group management, as well as on the practices adopted. Data were collected through face-to-face interviews and via teleconference, as well as with the use of questionnaires. In addition, secondary data were collected on the CNPQ platform and on official websites. The results obtained generated five propositions, which were: P1 - Geographically dispersed knowledge network members have a lower level of research participation than the agglomerated members; P2 - The research and business networks are institutionally similar, considering the results of dispersion or agglomeration of its members, the existence of coopetition and the possibility of orbital structuring; P3 - Governance practices in research groups are indirect and not formalized; P4 - The sharing of ideals of what science means is a necessary criterion for achieving satisfactory performance in research groups; P5 - The variables "Trust", "Co-authoring", "Ideals" and "Internal and external interactions" contribute to the good performance of the groups. In addition to these, other results from the thesis can be observed, such as: in Brazilian research groups, the main issues that impact their performance are subjective; the presence of a formal and systematic intergroup relationship was not perceived; the Brazilian research groups do not use formal norms to deliberate non-routine procedures; in the Spanish research groups, the system of career progression and access to resources play main impact of performance. As for public policies, we observed that the form of research in Brazil occurs mostly in the network. This implies that actions that foster transactions between groups and institutions of higher education should be stimulated by regulatory or support agencies. In spite of the limitations of the work, we believe that this study is relevant to several academic areas, especially to the study of networks of knowledge generated through research groups.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade e Gestão Pública, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Aparece nas coleções:PPGA - Doutorado em Administração (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.