Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32539
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_KarynneCordeiroBayer.pdf3,85 MBAdobe PDFView/Open
Title: “Amamos o que fazemos, mas precisamos de um tempo para nós mesmos!” : retrato da qualidade de vida no trabalho dos pilotos do transporte aéreo público regular de passageiros no Brasil
Authors: Bayer, Karynne Cordeiro
Orientador(es):: Ferreira, Mário César
Assunto:: Qualidade de vida no trabalho
Aviadores
Aviação Civil
Ergonomia da atividade
Issue Date: 27-Aug-2018
Citation: BAYER, Karynne Cordeiro. “Amamos o que fazemos, mas precisamos de um tempo para nós mesmos!”: retrato da qualidade de vida no trabalho dos pilotos do transporte aéreo público regular de passageiros no Brasil. 2018. 260 f., il. Dissertação (Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: O crescimento da aviação civil no Brasil ensejou reestruturações organizacionais, novas tecnologias e lógicas de mercado que geraram a intensificação do trabalho dos pilotos do transporte aéreo público regular de passageiros, e impôs consequências sobre sua qualidade de vida no trabalho (QVT), a eficácia dos serviços aéreos e a segurança operacional de tripulantes e clientes. Fundamentada na perspectiva teórico-metodológica da Ergonomia da Atividade Aplicada à Qualidade de Vida no Trabalho (EAA_QVT), essa pesquisa objetivou conhecer, por meio de estudo de caso, a avaliação global desses pilotos sobre sua QVT, com base nas representações que manifestam sobre o contexto de trabalho, as práticas de gestão e as vivências de desgaste e bem-estar advindas do seu cenário organizacional. Participaram da pesquisa 164 pilotos, aos quais se aplicou o Inventário de Avaliação de Qualidade de Vida no Trabalho (IA_QVT), de natureza quanti-quali, adaptado ao público-alvo. Constataram-se na origem do mal-estar no trabalho dos pilotos desajustes na organização do trabalho, falta de reconhecimento e crescimento profissional e ineficiência do suporte organizacional, mostrando que, na ótica dos pilotos, respeito e valorização profissional, e equilíbrio entre o tempo de trabalho e o tempo livre figuram como elementos centrais para a manutenção do bem-estar no trabalho e da QVT ideal. Ao fundamentar empiricamente a análise das dimensões que comumente se encontram na gênese do erro humano na investigação de acidentes aeronáuticos, a avaliação em QVT também se mostrou uma contribuição à segurança de voo no Brasil, como uma ferramenta efetiva para o gerenciamento de riscos na aviação no âmbito da organização.
Abstract: The growth of Brazilian civil aviation led to organizational restructuring, new technologies and market logic that favored a process of pilot-work intensification, especially from the regular passenger air transport. This process carried up consequences upon quality of work life (QWL) of these pilots, efficiency of air transport and safety of both crew members and customers. This research aimed to know, through a case method study, the pilots’ global perception of their QWL, based on their mental representations about the work context, management practices and their experiences of wear and wellbeing that comes from the organizational scenario. The research study was based upon the theoretical-methodological perspective of activity-centered ergonomics applied to quality of work life (EAA_QVT). One hundred sixty-four pilots participated in the study, to which a quanti-quali version of the Inventory of Quality of Work Life Assessment (IA_QVT) adapted to the target public was applied. It was observed that feelings of unease related to pilots’ working activity could be explained by mismatches on the work organization, lack of professional recognition and opportunities of professional development, and inefficiency of organizational support, showing that, from the Pilots’ point of view indicated, on the other hand, that professional respect and appreciation, together with work-life balance between free and engaged time are crucial elements for the maintenance of wellbeing at work and an ideal QWL. QWL assessment has proved to be a safety contribution by being an effective risk management tool to investigate unsafe organization conditions, by empirically substantiating the analysis of the dimensions commonly found in the genesis of human error in aircraft accidents.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PSTO - Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/32539/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.