Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32528
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_SamanthaNahonBittencourt.pdf22,3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Data venia : por uma outra arquitetura para a justiça brasileira
Autor(es): Bittencourt, Samantha Nahon
Orientador(es): Holanda, Frederico Rosa Borges de
Assunto: Arquitetura - aspectos sociais
Arquitetura judiciária
Sintaxe espacial
Tribunais
Data de publicação: 23-Ago-2018
Data de defesa: 6-Abr-2018
Referência: BITTENCOURT, Samantha Nahon. Data venia: por uma outra arquitetura para a justiça brasileira. 2018. 209 f., il. Tese (Doutorado em Arquitetura e Urbanismo)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Esta tese procura contribuir nos campos da arquitetura e da ciência jurídica: relaciona espaços físicos da justiça brasileira com a avaliação que deles fazem os usuários. Aborda a importância dos espaços da justiça como espaços cívicos, aponta a distinção entre seus diversos usuários, dá visibilidade ao tema cidadania no Brasil, explicita modelos arquitetônicos de tribunais ao longo da história e sua situação atual, e apresenta uma avaliação pós ocupação dos espaços da justiça. Dentre os aportes teóricos utilizados, a Teoria da Sintaxe Espacial sobressai na análise dos espaços estudados. Ao trazer a arquitetura à tona, estimula-se o debate acadêmico sobre as relações espaço x sociedade. Revelam-se similaridades entre os diversos edifícios da amostra, a caracterizarem um “genótipo judicial”, e destacam-se as críticas e as preferências explicitadas na fala dos usuários.
Abstract: This thesis seeks to contribute in the fields of architecture and legal science: it relates physical spaces of the Brazilian justice system with the evaluation of the users. It addresses the importance of the spaces of justice as civic spaces, points out the distinction between its various users, gives visibility to the issue of citizenship in Brazil, explains architectural models of courts throughout history and their current situation, and presents a post occupation justice. Among the theoretical contributions used, the Theory of Space Syntax excels in the analysis of the spaces studied. By bringing the architecture to the surface, the academic debate about space and society relations is stimulated. Similarities between the different buildings of the sample are revealed, characterizing a "judicial genotype", and the criticisms and the explicit preferences expressed in the users' speech stand out.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FAU - Doutorado em Arquitetura e Urbanismo (Teses)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.