Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32454
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_GustavoPaludettoOliveira.pdf12,2 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Análise dos aneurismas de aorta abdominal tratados com endoprótese fenestrada
Autor(es): Oliveira, Gustavo Paludetto
Orientador(es): Kessler, Iruena Moraes
Assunto: Endoprótese
Aneurismas abdominais
Artérias
Aorta abdominal
Data de publicação: 17-Ago-2018
Referência: OLIVEIRA, Gustavo Paludetto. Análise dos aneurismas de aorta abdominal tratados com endoprótese fenestrada. 2018. 52 f., il. Tese (Doutorado em Ciências Médicas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Objetivo: O estudo relata os resultados de um centro único para avaliar a eficácia da Endoprótese (EP) Gore Excluder C3® (WL Gore, Flagstaff, AZ) modificada pelo cirurgião para o tratamento de aneurismas de aorta abdominal (AAA) justarrenais sintomáticos. Métodos: vinte e oito pacientes foram tratados e acompanhados de 2011 a 2013. O seguimento foi calculado por tomografia em 1, 6, 12 e 18 meses. O objetivo primário foi avaliar a ausência de Endoleak (EL) de tipo I e III. Os objetivos secundários foram a avaliação da patência dos stents, o diâmetro dos aneurismas, migração da EP e necessidade de intervenções secundarias. Resultados: houve 21 homens e 7 mulheres, com idade média de 71,1 anos de idade. O diâmetro médio do aneurisma foi de 61,8mm. Vinte e cinco pacientes não apresentaram EL I e III. Um total de 52 artérias viscerais foram envolvidas em fenestras: 09 pacientes necessitaram de 01 fenestras em uma artéria renal (AR), 14 pacientes de fenestras ambas as artérias renais e 05 pacientes foram tratados com 03 fenestras, para ambas artérias renais e Artéria Mesentérica Superior (SMA). Três pacientes (10,7%) tiveram migração da EP maior que 5mm. Houve 02 oclusões AR e 01 de SMA. Dois pacientes (7,1%) necessitaram de intervenções secundárias para tratamento de oclusão da artéria renal e EL de tipo I ou III. O diâmetro médio de AAA após 18 meses foi de 53,9mm e houve diminuição maior que 5 mm em 17 (60,7%) dos 28 pacientes. A taxa de pacientes livre de intervenções secundárias foi de 92,9%. Não ocorreram mortes relacionadas ao procedimento. Conclusão: Este estudo retrospectivo demonstrou que o tratamento endovascular de AAA justa/pararrenais com a EP Gore Excluder C3® modificada pelo cirurgião foi efetivo e pode ser uma opção para tratar pacientes selecionados em casos de emergência.
Abstract: Objective: This study reports the results of a single center trial to evaluate the effectiveness of the Surgeon Modified Gore Excluder C3® (WL Gore, Flagstaff, AZ) for treatment of symptomatic juxtarenal abdominal aortic aneurysms (AAAs). Methods: Twenty-eight patients were treated from 2011 to 2013. Follow-up was computed by tomography imaging at 1, 6, 12 and 18 months. Primary end point included absence of type I and III Endoleak (EL). Secondary end points were patency of stents, change in aneurysm diameter, migration and surveillance freedom from re-interventions. Results: There were 21 male and 7 female patients with a mean age of 71,1 years old. Mean aneurysm diameter was 61,8mm. Twenty-five patients had no EL I and III. A total of 52 visceral arteries required fenestrations incorporations: 09 patients required 01 fenestration to one renal artery (RA), 14 patients had 02 both RA fenestrations and 05 patients had 03 fenestrations to both RA and Superior Mesenteric Artery (SMA). Three patients (10,7%) had migration >5mm. There were 02 RA and 01 SMA occlusions. Two patients (7,1%) required secondary interventions for renal artery occlusion and type I or III EL. Mean AAA diameter after 18 months was 53,9mm and there was a greater than 5 mm decrease in 17 (60,7%) out of 28 patients. Freedom from secondary interventions was 92,9%. No deaths occurred. Conclusion: This retrospective study demonstrated that endovascular repair of juxtarenal AAAs with the Modified Gore Excluder C3® was effective and can be an option to treat selected patients in emergency cases.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FMD - Doutorado em Ciências Médicas (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.