Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32408
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_BrunoGoulartMachadoSilva.pdf5,04 MBAdobe PDFView/Open
Title: Trânsitos da cultura popular : política pública, produção, difusão e salvaguarda nos encontros de culturas tradicionais
Authors: Silva, Bruno Goulart Machado
Orientador(es):: Carvalho, José Jorge de
Assunto:: Cultura popular
Povos tradicionais
Políticas culturais
Produção cultural
Issue Date: 13-Aug-2018
Citation: SILVA, Bruno Goulart Machado. Trânsitos da cultura popular: política pública, produção, difusão e salvaguarda nos encontros de culturas tradicionais. 2018. 367 f., il. Tese (Doutorado em Antropologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Abstract: A cultura popular tradicional é entendida no Brasil como um conjunto de práticas culturais ligadas aos povos tradicionais, afro-brasileiros, indígenas e ao povo de modo geral. Desde os anos 1990, as práticas performáticas desse universo têm transitado por circuitos ligados à música e performance, e constituídos por espaços culturais, instituições e, desde os anos 2000, pelos encontros de culturas populares e tradicionais. Estes são festivais de cultura que reúnem em si também a dimensão de um fórum de discussões sobre políticas públicas e temáticas que impactam os povos tradicionais. Propõe-se, assim, refletir sobre as especificidades e características desse circuito contemporâneo de trânsito da cultura popular focando na experiência dos encontros. Para tanto, buscou-se investigar o contexto que permitiu a emergência desses eventos, suas principais características, bem como o diálogo que eles estabelecem com as políticas públicas culturais. A pesquisa foi realizada através de trabalho de campo em três edições (nos anos de 2015, 2016 e 2017) do Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros, que acontece na Vila de São Jorge (Alto Paraíso-GO); do contato com edições de 2015 do Encontro dos Povos do Grande Sertão Veredas (Chapada Gaúcha-MG) e do Encontro de Culturas Populares e Tradicionais (Serra Talhada-PE); através de levantamento sobre outros eventos semelhantes pelo Brasil, feito por meio de pesquisa em meio digital; e de entrevistas com organizadores e participantes desses eventos. Constatou-se que os encontros são produtos de um processo de redescoberta da cultura popular por jovens universitários, artistas e músicos citadinos na década de 1990 e da eventual articulação desses sujeitos com o poder público – o que levou à elaboração de políticas culturais para atender a especificidade desse universo cultural. No contexto das políticas públicas, os encontros são vistos como espaços de difusão, salvaguarda e valorização da cultura popular por meio da performance desta em contextos de apresentações. Enquanto local de performance da cultura popular, os encontros desenvolvem técnicas de produção de som e arquitetura de palco em diálogo com a indústria fonográfica. Além disso, constatou-se que os mestres e mestras que são convidados a apresentarem suas práticas nesse contexto negociam e mediam o deslocamento destas para os encontros enquanto forma de reconhecimento, retorno financeiro e visibilidade para si e para seus coletivos sociais. A investigação dos encontros demonstrou ainda que eles são emblemáticos do circuito de trânsito contemporâneo da cultura popular. Esse circuito, por sua vez, tem similaridades com a experiência do movimento folclórico que se organizou na década de 1950, uma vez que ambos receberam apoio do poder público. Apesar das semelhanças com a época do movimento folclórico, os encontros têm suas particularidades, como um maior diálogo com a indústria fonográfica e a presença de novos discursos e atores sociais. Assim, pode-se falar de um novo momento de trânsito da cultura popular inaugurado nas últimas décadas.
Abstract: Traditional popular culture in Brazil is understood as a diversity of cultural practices linked to folk, traditional, afro-Brazilian and indigenous people. Since de 1990s, performance practices of this universe are transiting in musical and performance circuits that are constituted by cultural centers, institutions and, since the 2000’s, by festivals of popular and traditional cultures known as encontros de culturas populares e tradicionais. These encontros are culture festivals and also places for discussions on cultural policies and issues that impact traditional people and their communities. Thus, this thesis explores the specificities and characteristics of this contemporary circuit for traditional popular culture, with focus on these festivals of popular and traditional culture. Thereby, we seek to investigate the context of emergence of the encontros, their main characteristics and the dialogue they establish with cultural policies. The research was done through fieldwork in three editions (in the years 2015, 2016 and 2017) of the Encontro de Culturas Tradicionais da Chapada dos Veadeiros, which takes place in the village of São Jorge (Alto Paraíso-GO); the 2015 editions of the Encontro dos Povos do Grande Sertão Veredas (Chapada Gaúcha-MG) and of the Encontro de Culturas Populares e Tradicionais (Serra Talhada-PE); through the digital survey about other similar events in Brazil; and through interviews with producers and participants of the mentioned events. The investigation demonstrated that the encontros are product of the interest for traditional popular culture by young university students, artists and musicians in the 1990s, followed by the later articulation of these social actors with public institutions and policies – which led to the elaboration of specific cultural policies to the traditional popular culture. In the context of public policies, the encontros are seen as cultural policy actions, since they are understood as places for diffusion, safeguard and appreciation of traditional popular culture in a format of musical and dance presentations. As a place for traditional popular culture performance, these festivals develop techniques of sound production and stage architecture in dialogue with the music industry. The investigation also points that the masters of this traditions, who are invited to present their practices at the festivals, negotiate and mediate their performance seeking recognition, financial return and visibility for themselves and their social collectives. In conclusion, the study on the encontros showed that they are emblematic of the contemporary circuit of traditional popular culture of Brazil, which has similarities to the experience of the folklore movement organized in the 1950s due to the support both received from the public government. Despite the similarities with the folklore movement, the encontros have their particularities, such as a greater dialogue with the music industry and new discourses and social actors. Thus, it is possible to speak of a new circuit for Brazilian traditional popular culture, which emerges in the last decades.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:DAN - Doutorado em Antropologia (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/32408/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.