Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/32276
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_NatalyMitieNatsumeMoriya.pdf2,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Estudo de viroma em água de esgoto influente e efluente na estação de tratamento de esgoto norte em Brasília
Autor(es): Moriya, Nataly Mitie Natsume
Orientador(es): Nagata, Tatsuya
Assunto: Viroma
Água - tratamento
Água - estações de tratamento
Esgotos - Distrito Federal (Brasil)
Esgotos - tratamento
Data de publicação: 20-Jul-2018
Referência: MORIYA, Nataly Mitie Natsume. Estudo de viroma em água de esgoto influente e efluente na estação de tratamento de esgoto norte em Brasília. 2018. 83, il. Dissertação (Mestrado em Biologia Microbiana)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: A contaminação por patógenos humanos na água de esgoto é um assunto importante, principalmente em locais onde as condições de saneamento não são ideais. A tecnologia de Next Generation Sequencing (NGS) tem sido utilizada em diversos estudos metagenômicos virais (viromas). Além de descrever a diversidade genética, é uma ferramenta útil para analisar o viroma em amostras de esgoto. Apesar do interesse no tratamento de água, a cidade de Brasília não possuí um estudo de censo e informações focado na contaminação viral do Lago Paranoá. Com este propósito, os patógenos humanos astrovírus (HAstV), norovírus (NoV) e sapovírus (SaV) foram selecionados e investigados em amostras de água não-tratada (influente) e tratada (efluente) utilizando o NGS. Amostras de influente e efluente (de março, maio de 2016 e fevereiro de 2017) foram coletadas na estação de tratamento de água de esgoto em Brasília, Brasil. As amostras foram submetidas a processos de extração de RNA e as bibliotecas de cDNA foram sequenciadas através do Illumina HiSeq 2000, com a condição de 100 bases paired-end. Os reads foram trimados através do Trimmomatic e os contigs foram montados com os programas Megahit e Velvet. As sequências foram analisadas por tBLASTX e Megablast, respectivamente, contra o "RefSeq Virus" utilizando o software Geneious v.8.1. Os reads resultantes também foram enviados e analisados na plataforma online Kaiju. Os SaV foram detectados nas seis amostras sequenciadas, HAstV e NoV foram encontrados em todas as amostras, exceto no efluente de maio. Os resultados encontrados foram discutidos e comparados com estudos brasileiros e internacionais.
Abstract: Contamination of human pathogen in wastewater is an important matter, especially where sanitation is not ideal condition. Next Generation Sequencing (NGS) has been applied in several viral metagenomes (viromes) studies. Besides describing gene diversity, it is a helpful tool to analyze virome in sewage water. Despite the interest in wastewater treatment, Brasilia city lacks a census study and information aiming to assess viral contamination in Paranoa lake. For this purpose, the human pathogens astrovirus (HAstV), norovirus (NoV) and sapovirus (SaV) were selected in untreated (influent) and treated (effluent) wastewater and investigated using NGS technology. Samples of influent and effluent stream (from March, May of 2016 and February of 2017) were collected at the treatment station of wastewater in Brasília, Brazil. Samples were submitted to RNA extraction process and the cDNA libraries were sequenced using Illumina HiSeq 2000 with the condition of 100 base paired-end. The NGS reads were trimmed by Trimmomatic and the contigs were assembled with Megahit and Velvet. The assembled contigs were analyzed by tBLASTX and Megablast, respectively, against RefSeq Virus using Geneious Software v.8.1. Resulted reads were also uploaded and analyzed on Kaiju online platform. SaV were detected in the six sequenced samples, HAstV and NoV were found in all samples except the May untreated water sample. The results found were discussed and compared with Brazilian and international studies.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Biologia, Pós-Graduação em Biologia Microbiana, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Aparece nas coleções:IB - Mestrado em Biologia Microbiana (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.