Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31878
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_HenriqueFernandesdeOliveira.pdf1,09 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Modelo de treinamento e aquisição de habilidades em cirurgias endoscópicas nasais em cabeça de cordeiro
Autor(es): Oliveira, Henrique Fernandes de
Orientador(es): Oliveira, Carlos Augusto Costa Pires de
Coorientador(es): Nakanishi, Márcio
Assunto: Cirurgia endoscópica nasal
Segurança do paciente
Treinamento médico
Otorrinolaringologia
Data de publicação: 15-Mai-2018
Referência: OLIVEIRA, Henrique Fernandes de. Modelo de treinamento e aquisição de habilidades em cirurgias endoscópicas nasais em cabeça de cordeiro. 2018. 49 f., il. Tese (Doutorado em Ciências Médicas)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: INTRODUÇÃO: Trata-se de um estudo sobre a busca por uma opção ao uso do cadáver humano na aprendizagem cirúrgica nasal. Descrevemos um modelo de treinamento em cirurgia endoscópica nasal em cabeça de cordeiro. Avaliamos a aquisição de habilidade cirúrgica em médicos residentes de otorrinolaringologia. Estabelecemos a quantidade média mínima de dissecções antes de se iniciar a prática em pacientes humanos. MÉTODO: Dezenove residentes de otorrinolaringologia, todos do segundo ano de formação, dissecaram dez vezes cada um, cinco em cada fossa nasal, treinando sempre as mesmas três cirurgias no cordeiro. O período de dissecção de cada aluno durou dois meses, e o treinamento todo foi realizado ao longo de quatro anos, alcançando quatro gerações de residentes, para que o grupo em estudo fosse igualitário. Todas as dissecções foram gravadas, randomizadas e examinadas por dois cirurgiões otorrinolaringologistas, diferentes dos pesquisadores, independentemente um do outro. A avaliação das 190 dissecções foi pautada em uma ferramenta validada para treinamento cirúrgico de médicos residentes. RESULTADO: Para a significância de 5%, os p-valores evidenciam ganho de desempenho crescente, sendo que, a partir da sexta dissecção, o resultado é satisfatório. Além disso, a partir da oitava dissecção, a aquisição de habilidade é relevante e sustentada, com pouca variação do desempenho nas duas últimas dissecções. CONCLUSÃO: O treinamento em cirurgia endoscópica nasal por meio de cabeça de cordeiro proporciona melhora na habilidade cirúrgica e no manejo do instrumental. Neste estudo, observa-se que, da oitava dissecção em diante, o ganho é significativo e sustentado. É relevante o uso desse modelo na formação do cirurgião otorrinolaringológico, visto que a qualidade de seu treinamento irá repercutir em segurança para o paciente.
Abstract: INTRODUCTION: This is a study about the search for an option to use the human corpse in nasal surgical learning.We describe a training model in nasal endoscopic surgery in lamb's head. We evaluated the acquisition of surgical skills in resident doctors of otolaryngology and established the minimum number of dissections to be performed before practicing in human patients. METHODS: Nineteen second-year otolaryngology residents performed ten dissections each, five for each nasal cavity, always practicing the same three surgeries on the lamb. The training of each student lasted two months, and the entire training intervention lasted four years, reaching four generations of residents All dissections were recorded and all of them were randomly selected to be examined by two independent otolaryngology surgeons other than the researchers. The assessment of the 190 dissections were based on an instrument validated for surgical training of medical residents. RESULTS: For a level of significance of 5%, statistical analysis revealed an increase in performance, and satisfactory results were observed after the sixth dissection. Additionally, after the eighth dissection, skill acquisition was relevant and sustained, with few variations in performance during the last two dissections. CONCLUSION: Training in nasal endoscopic surgery on a lamb’s head model improves surgical skills and handling of surgical instruments. In the patient study, there was a significant and sustained improvements after the eighth dissection. Our results showed that the relevance of the lamb model for otolaryngology surgical training, since the quality of this training will have an impact on patient safety.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:FMD - Doutorado em Ciências Médicas (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.