Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31353
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_DianadosReisPereiraCarvalho.pdf2,43 MBAdobe PDFView/Open
Title: Análise geográfica dos ambientes de inovação no Brasil : discussão do Programa Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas
Authors: Carvalho, Diana dos Reis Pereira
Orientador(es):: Reis Júnior, Dante Flávio da Costa
Assunto:: Sociedade do conhecimento
Programa Nacional de Apoio às Incubadoras de Empresas e aos Parques Tecnológicos (PNI)
Parques tecnológicos
Issue Date: 7-Mar-2018
Citation: CARVALHO, Diana dos Reis Pereira. Análise geográfica dos ambientes de inovação no Brasil: discussão do Programa Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas. 2017. xvi, 298 f., il. Tese (Doutorado em Geografia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: No mundo contemporâneo muitos estudiosos e organizações mundiais enfatizam a importância da inovação nos processos de desenvolvimento. Afirmam que se vive na Era ou Sociedade do Conhecimento, tendência nas economias avançadas sobre a geração de novos conhecimentos, e as estratégias de promoção da Ciência, Tecnologia e Inovação (C,T&I) e de aglomerações inovadoras são definidas nas políticas de competitividade dos países e de desenvolvimento regional. A abordagem da inovação passou a ser discutida na Geografia Econômica nas últimas décadas, como identificado em Ann Markusen, Georges Benko e André Fischer, tendo em vista as modificações geradas no espaço geográfico e a constituição de aglomerações de atividades inovadoras. Por isso, procura-se compreender quais são as bases conceituais, os pressupostos e as metodologias para elaborar um estudo geográfico que analise a importância de ambientes de inovação brasileiros considerando a existência de uma geografia da inovação. Parte-se da hipótese que esses ambientes de inovação são relevantes para a economia do Brasil e suas regiões. Justifica-se o tema por tratar de áreas de atividades de inovação, importantes na promoção do desenvolvimento econômico; contribuindo a pesquisa com a realização de estudo de Geografia Econômica e inovação, no contexto do Brasil; discussão dos ambientes de inovação, do Programa Nacional de Apoio às Incubadoras de Empresas e aos Parques Tecnológicos (PNI); e na elaboração da matriz sobre parques tecnológicos e sobre incubadoras de empresas. O objetivo geral é discutir a importância dos ambientes de inovação selecionados na economia do Brasil e suas regiões, a partir de roteiro metodológico geográfico. Os objetivos específicos são: demonstrar aspectos das transformações econômico-sociais, do desenvolvimento, da inovação e dos ambientes inovadores no mundo; compreender abordagens conceituais e metodológicas da Geografia Econômica a partir de contribuições consolidadas e do estado da arte para elaboração de estudo da inovação na geografia brasileira; caracterizar o PNI no contexto da Política de C,T&I brasileira; descrever as bases de dados e estudos especializados sobre inovação para identificar indicadores econômico-sociais para análise de ambientes de inovação; analisar a situação atual dos ambientes de inovação e a importância dos parques tecnológicos, a partir do roteiro metodológico geográfico. Metodologicamente, a pesquisa geral é fundamentada em três grandes temas, como inovação, geografia econômica e política de C,T&I. A partir disso, foi elaborado um roteiro metodológico para a análise da importância dos ambientes de inovação, com três eixos: 1. Situação atual dos ambientes de inovação, a partir de matrizes institucionais 1 e 2 de caracterização de parques tecnológicos e incubadoras de empresas; 2. Análise da importância de parques tecnológicos no contexto nacional; 3. Análise da importância de parques tecnológicos no âmbito macrorregional. Os resultados demonstram a importância do tema da inovação no mundo e, assim, países como o Brasil adotam a estratégia de promoção de Ciência, Tecnologia e Inovação – C,T&I, com a criação do primeiro programa de parques tecnológicos, em 1984; de instituições governamentais de C&T; associação nacional de ambientes de inovação, além das políticas industriais com foco na inovação, após 1990. Articulado às políticas do governo Federal de C,T&I foi criado o PNI para promoção de parques tecnológicos e incubadoras de empresas, no final dos anos 1990 e reinstituído em 2009. Atualmente são 94 iniciativas de parques tecnológicos em fase de operação, implantação e projeto e 369 incubadoras de base tecnológica, mistas e tradicionais, distribuídos pelo país. A análise identificou que esses mecanismos têm crescido e, no decorrer dos anos, impulsionado a geração de empresas inovadoras (incubadoras); a interação para a promoção empresarial e regional (parques tecnológicos) no Brasil; a criação de empregos mais qualificados; e o surgimento de segmentos de atividades inovadoras que demonstra um componente tecnológico na região. Constatou-se que a inovação é tema consolidado na Geografia mundial visto as modificações causadas na organização e estrutura do espaço geográfico e o papel das aglomerações de inovação e sua promoção no desenvolvimento de regiões. Assim, pôde ser elaborado um estudo que se espera trazer elementos que permitam discutir a importância da implantação dos ambientes de inovação no país, tendo em vista a valorização recente da inovação na sociedade e a ênfase em consolidar esses instrumentos para o desenvolvimento.
Abstract: In the contemporary world, many scholars and international organizations emphasize the importance of innovation for development processes. They assert that we are living in the Knowledge Era or Society, a trend in advanced economies about the generation of new knowledge, and the promotion strategies for Science, Technology and Innovation (S, T & I) and innovation clusters are defined in the countries' competitivity politics and of regional development. The innovation approach became a subject of Economic Geography over the last decades, seen in works by Ann Markusen, Georges Benko and André Fischer, focusing on the modifications generated in geographic space and the constitution of clusters of innovative activity. This is why we seek to understand the conceptual bases, premises and methodologies involved in the elaboration of a geographic study that analyzes the importance of Brazilian innovation environments taking into account the existence of a geography of innovation. The hypothesis is that those innovation environments are relevant for the economy of Brazil and its regions. The theme is justified by: its exploration of innovation activity, which is important in the promotion of economic development; the research contribution for the realization of a study on Geographic Economy and innovation in the Brazilian context; discussion on innovation environments, of the National Program of Support to Business Incubators and Technology Parks (PNI); and the elaboration of a workbase about technological parks and business incubators. The general objective is to analyze the importance of selected innovation environments for the economy of Brazil and its regions using the geographic methodological script. The specific objectives are: to demonstrate aspects of socio-economic transformations, of the development, innovation and innovative environments all over the world; to understand conceptual and methodological approaches from Economic Geography based on consolidated contributions and the state of the art for the elaboration of a study of innovation in Brazilian geography; to characterize PNI in the context of the Brazilian S, T & I policy; to describe databases and specialized studies about innovation in order to identify socio-economic indicators for the analysis of innovation environments; to analyze the current situation of innovation environments and the importance of technological parks using the geographic methodological script. In terms of methodology, the general research is founded upon three major themes: innovation, economic geography and S, T & I policy. Based on those, a methodological script was elaborated for the analysis of the importance of innovation environments, with three major axes: 1. The present situation of innovation environments, looking at institutional matrices 1 and 2 the characterization of technological parks and business incubators; 2. Analysis of the importance of technological parks in the national context; 3. Analysis of: the importance of the subject of innovation around the world and how countries like Brazil come to adopt the strategy of promotion of Science, Technology and Innovation – S, T & I, with the creation of the first technological parks program in 1984; of government C& T institutions; the national association of innovation environments, besides the industrial policies focused on innovation after 1990. Articulated to the Federal Government S, T & I policies, the PNI was created for the promotion of technological parks and business incubators at the end of the 1990s and re-instated in 2009. Presently, there are 94 initiatives of technological parks in operation, implementation and project phases and 369 incubators of technological, mixed and traditional bases spread all over the country. The analysis identified growth in those mechanism and that, throughout the years, they have been propelling the generation of innovative businesses (incubators); the integration for the business and regional (technological parks) promotion in Brazil; the creation of more qualified jobs; and the appearance of segments of innovative activities that demonstrates the existence of a technological component in the region. It was found that innovation is a consolidated subject in World Geography given the changes caused in the organization and structure of geographic space and the role of innovation clusters and their promotion in the development of regions. Thus, a study could be elaborated hoping to bring up elements to foster the discussion of the importance of implementation of innovation environments in the country, considering the recent trend toward valuing innovation in our society and the emphasis in consolidating those instruments for development.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:GEA - Doutorado em Geografia

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/31353/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.