Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31305
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_RaimundoMagnoCardosoNascimento.pdf2,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Comunidades quilombolas África e Laranjituba um estudo das práticas e fenômenos que constituem sua gestão territorial tradicional
Autor(es): Nascimento, Raimundo magno Cardoso
Orientador(es): Nasuti, Stéphanie
Assunto: Quilombos
Gestão territorial
Comunidades tradicionais
Sustentabilidade
Amazônia
Data de publicação: 26-Fev-2018
Referência: NASCIMENTO, Raimundo Magno Cardoso. Comunidades quilombolas África e Laranjituba um estudo das práticas e fenômenos que constituem sua gestão territorial tradicional. 2017. 92 f., il. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Sustentável)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: O presente trabalho tem como lócus de pesquisa as comunidades quilombolas África e Laranjituba, situadas nos municípios de Moju e Abaetetuba no Estado do Pará, e tem como tema: Um estudo das práticas e fenômenos que constituem sua gestão territorial tradicional. A problemática aborda as formas de gestão territorial mais utilizadas mundo a fora, geralmente com formatação padronizada independente das características do território a ser gerido, quase sempre negando o legado reunido ao longo dos tempos pelas comunidades tradicionais. Os objetivos desse estudo é caracterizar as formas tradicionais de gestão e refletir sobre sua evolução, procurando compreender sua eficiência e eficácia local ao longo dos tempos, assim como sua importância social e cientifica. A pesquisa se justifica pela necessidade de estudos sobre as práticas e fenômenos que constituem a gestão territorial dessas comunidades organização do trabalho. Sua elaboração se deu por meio de entrevistas, grupos focais, mapeamento participativo, além de referências bibliográficas e outras fontes de informação. A pesquisa contempla a história das comunidades no que se referem aos aspectos mais antigos e atuais, questões administrativas, demografia, formas de acesso às comunidades, além de habitação, abastecimento d’água, educação e saúde. Abroda ainda as formas de organização do território, a economia local e as diversas práticas que constituem a gestão local. O trabalho faz também uma descrição dos elementos que embasam as práticas de gestão, a transmissão dos conhecimentos por meio de relatos orais, o contexto religioso, sagrado e divino, O trato com a água como exemplo da relação entre religioso e práticas territoriais, a relação da gestão com os fenômenos naturais. Por fim, se faz uma reflexões conclusivas sobre a Gestão Territorial em África e Laranjituba, à luz da tradição e de sustentabilidade , assim como se apresentam as perspectivas da comunidade acerca da sua forma própria de gestão, no ponto de vista da sustentabilidade, com base em referências bibliográficas sendo fechado com a apresentação de algumas lições aprendidas.
Abstract: The present work has as a locus of research the communities quilombolas Africa and Laranjituba, located in the municipalities of Moju and Abaetetuba in the State of Pará, and has as its theme: A study of the practices and phenomena that constitute its traditional territorial management. The problem addresses the most commonly used forms of territorial management, usually with standardized formatting independent of the characteristics of the territory to be managed, almost always denying the legacy gathered over time by traditional communities. The objectives of this study are to characterize the traditional forms of management and to reflect on their evolution, trying to understand their local efficiency and effectiveness over time, as well as their social and scientific importance. The research is justified by the need for studies on the practices and phenomena that constitute the territorial management of these communities work organization. Its elaboration took place through interviews, focus groups, participative mapping, bibliographical references and other sources of information. The research contemplates the history of the communities regarding the oldest and current aspects, administrative issues, demography, ways of accessing communities, as well as housing, water supply, education and health. It also deals with the forms of organization of the territory, the local economy and the various practices that constitute local management. The work also describes the elements that underlie management practices, the transmission of knowledge through oral reports, the religious, sacred and divine context. The treatment with water as an example of the relationship between religious and territorial practices, the relationship Management with natural phenomena. Finally, there is a conclusive reflection on Territorial Management in Africa and Laranjituba, in the light of tradition and sustainability, as well as presenting the perspectives of the community about its own form of management, from the point of view of sustainability, based on In bibliographical references being closed with the presentation of some lessons learned.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:CDS - Mestrado em Sustentabilidade junto a Povos e Terras Tradicionais (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.