Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31077
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_CreuzaPrumkwyjKrahô.pdf4,39 MBAdobe PDFView/Open
Title: Wato ne hômpu ne kãmpa : Convivo, vejo e ouço a vida Mehi (Mãkrarè)
Authors: Krahô, Creuza Prumkwyj
Orientador(es):: Guimarães, Sílvia Maria Ferreira
Assunto:: Capacidade
Indígenas
Relações sociais
Índios - aspectos sociais
Índios - cultura popular
Índios Krahô
Issue Date: 24-Jan-2018
Citation: KRAHÔ, Creuza Prumkwyj. Wato ne hômpu ne kãmpa: Convivo, vejo e ouço a vida Mehi (Mãkrarè). 2017. [147] f., il. Dissertação (Mestrado em Sustentabilidade junto a Povos e Territórios Tradicionais)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Este trabalho trata da vida, das relações sociais e do movimento da aldeia do meu povo Mehi (Krahô). Trata dos cuidados com o corpo, denominados aqui de resguardos que acontecem a partir de três perspectivas: da pintura corporal, do uso do Crow (tora de buriti) e das músicas Mehi. Os cuidados que a pessoa deve viver ao longo da vida, podem ser individuais ou coletivos. Alguns rituais são relativos à construção da pessoa e tratam do resguardo realizado, por exemplo, pelo nascimento do primeiro filho, do fim de um processo de adoecimento, da primeira menstruação ou ritual de iniciação feminino. O ritual de iniciação masculino que dura mais de um ano e tem uma lógica de sucessão de fatos, está ameaçado porque as pessoas na comunidade não conseguem reconstituí-lo na sua totalidade. Há rituais coletivos, voltados para a sociabilidade entre grupos como, por exemplo, de trocas de alimentos e serviços. Ainda, há os rituais relacionados com o ciclo anual que vincula a estação de chuva e da seca e o sistema agrícola Krahô por meio do plantio e colheita do milho e da batata-doce. Aqui conta esta história dos resguardos a partir da fala das mulheres Mehi.
Abstract: This work deals with life, social relations and the movement of the village of my people,Mehi (Krahô). It deals with the care of the body, called here “resguardos” that happen from three perspectives: body painting, the use of Crow (“tora de buriti”) and Mehi songs. The care that the person must live through the life, can be individual or collective. Some rituals are related to the construction of the person, for example, by the birth of the first child, the end of a process of illness, the first menstruation or ritual of female initiation. The male initiation ritual that lasts over a year and has a succession of facts is been threatened because the people in the community can’t reconstruct it in its totality. There are collective rituals aimed at sociability among groups such as, for example, food exchanges and services. There are others rituals related to the annual cycle, rainy and dry season and the Krahô farming system. Here I’m writing about the resguardos from the perspectives of the Mehi women.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, Mestrado Profissional em Sustentabilidade junto a Povos e Territórios Tradicionais, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:CDS - Mestrado em Sustentabilidade junto a Povos e Terras Tradicionais (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/31077/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.