Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/30774
Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
ARTIGO_PsicologiaEscolarONGs.pdf372,24 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Psicologia escolar em ONGs : desafios profissionais e perspectivas contemporâneas de atuação
Outros títulos: School psychology in NGOs : professional challenges and contemporary perspectives of action
Psicología escolar en ONGs : retos profesionales y perspectivas contemporáneas de actuación
Autor(es): Galvão, Pollianna
Araújo, Claisy Maria Marinho
Assunto: Psicologia escolar
Organizações não-governamentais
Psicólogos
Data de publicação: Dez-2017
Editora: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE)
Referência: GALVÃO, Pollianna; MARINHO-ARAUJO, Claisy Maria. Psicologia escolar em ONGs: desafios profissionais e perspectivas contemporâneas de atuação. Psicologia Escolar e Educacional, Maringá, v. 21, n. 3, p. 467-476, set./dez. 2017. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572017000300467&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 25 jan. 2018. doi: http://dx.doi.org/10.1590/2175-35392017021311177.
Resumo: A existência de psicólogos escolares em ONGs educativas é uma realidade recente no Brasil. Esse contexto agrega peculiaridades históricas, políticas e pedagógicas que imprimem características específicas ao trabalho do psicólogo, especialmente por se dedicar à formação das classes populares. Este artigo constitui-se em um ensaio teórico que objetiva discutir aspectos relacionados à atuação do psicólogo escolar em ONGs e apresentar uma proposição de trabalho em Psicologia Escolar ancorado em três grandes eixos de atuação. Na primeira parte do artigo, serão analisadas as perspectivas gerais de atuação da Psicologia Escolar, especialmente vinculadas ao seu compromisso social e político com a educação na atual conjuntura. Dessas considerações, parte-se para uma discussão sobre o contexto histórico das ONGs no país, as contradições desse cenário educativo e as potencialidades para a formação humana, vinculadas ao compromisso com a transformação social na atualidade. Por fim, serão abordados os desafios e as possíveis contribuições do psicólogo escolar em ONGs educativas, delineando uma proposta para a atuação profissional em Psicologia Escolar nesse contexto.
Abstract: The existence of school psychologists in educational NGOs is a recent reality in Brazil. This context adds historical, political and pedagogical peculiarities that give specific characteristics to the psychologist's work, especially for dedicating himself to the formation of the working classes. This article is a theoretical essay that aims to discuss aspects related to the performance of the school psychologist in NGOs and present a proposal of work in School Psychology in three main axes of action. In the first part of the article, the general perspectives of School Psychology will be analyzed, especially related to its social and political commitment to education on the current situation. From these considerations, the first part begins with a discussion about the historical context of the NGOs in the country, the contradictions of this educational scenario and the potentialities for human formation, linked to the commitment to the current social transformation. Finally, the challenges and possible contributions of the school psychologist in educational NGOs will be addressed, outlining a proposal for the professional performance in School Psychology in this context.
Resumen: La existencia de psicólogos escolares en ONGs educativas es una realidad reciente en Brasil. Ese contexto agrega peculiaridades históricas, políticas y pedagógicas que imprimen características específicas a la labor del psicólogo, especialmente por dedicarse a la formación de las clases populares. Este artículo se constituye en un ensayo teórico que tiene por objetivo discutir aspectos relacionados a la actuación del psicólogo escolar en ONGs y presentar una propuesta de labor en Psicología Escolar anclado en tres grandes ejes de actuación. En la primera parte del artículo, se analizan las perspectivas generales de actuación de la Psicología Escolar, especialmente vinculadas a su compromiso social y político con la educación en la actual coyuntura. De esas consideraciones, se parte para una discusión sobre el contexto histórico de las ONGs en el país, las contradicciones de ese escenario educativo y las potencialidades a la formación humana, vinculadas al compromiso con la transformación social en la actualidad. Por fin, se aborda-los retos y las posibles contribuciones del psicólogo escolar en ONGs educativas, delineando una propuesta para la actuación profesional en Psicología Escolar en ese contexto.
Licença: Psicologia Escolar e Educacional - Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons (CC BY 4.0). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572017000300467&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 25 jan. 2018.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/2175-35392017021311177
Aparece nas coleções:PED - Artigos publicados em periódicos

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.