Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/30757
Título: Organização dos serviços farmacêuticos no Sistema Único de Saúde em regiões de saúde
Outros títulos: Comments on “the organization of pharmaceutical services by ‘health region’ in Brazil’s Unified Health System”
Autor(es): Araújo, Suetônio Queiroz
Costa, Karen Sarmento
Luiza, Vera Lucia
Lavras, Carmen
Santana, Eucilene Alves
Tavares, Noemia Urruth Leão
Assunto: Sistema Único de Saúde (Brasil)
Assistência farmacêutica
Data de publicação: Abr-2017
Editora: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Referência: ARAÚJO, Suetônio Queiroz et al. Organização dos serviços farmacêuticos no Sistema Único de Saúde em regiões de saúde. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 22, n. 4, p. 1181-1191, abr. 2017. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017002401181&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 29 jan. 2018. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232017224.27042016. _______________________________________________________________________________________________________________________________
ARAÚJO, Suetônio Queiroz et al. Comments on “the organization of pharmaceutical services by ‘health region’ in Brazil’s Unified Health System”. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 22, n. 4, p. 1181-1191, abr. 2017. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017002401181&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em: 29 jan. 2018. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232017224.27042016.
Resumo: O presente estudo teve o objetivo de caracterizar os serviços farmacêuticos prestados no Sistema Único de Saúde do Brasil sob a ótica das redes de atenção à saúde em regiões de saúde contempladas no Projeto QualiSUS-Rede. O estudo teve delineamento transversal, com coleta de dados de dezembro de 2013 a julho de 2015 em todos os estabelecimentos públicos de saúde que realizavam entrega/armazenamento de medicamentos (n = 4.938) de 465 municípios e Distrito Federal em 43 regiões de saúde. Os resultados mostram a existência de pelo menos um serviço gerencial de apoio à rede de saúde além do armazenamento de medicamentos em todas as regiões (> 90%). E de forma irregular entre as Regiões, há a oferta de pelo menos um serviço assistencial nos pontos de atenção pelos profissionais farmacêuticos, ocorrendo em maior proporção na Região Sudeste (74,3%) e menor na Nordeste (43,3%). Os resultados reforçam a necessidade da efetiva estruturação da assistência farmacêutica nas RAS superando uma visão restritiva das suas atividades, que valoriza quase que exclusivamente seu componente logístico de apoio a rede em detrimento da clínica. É igualmente importante ampliar e aprimorar o acesso da população aos medicamentos assim como e qualificar o cuidado em saúde ofertado aos usuários do sistema.
Abstract: This study aimed to describe and characterize the pharmaceutical services provided in Brazil’s Unified Health System (SUS) from the point of view of the healthcare networks that are organized by region in the QualiSUS-Rede Project. This was a cross-sectional study, with data collected from December 2013 to July 2015, in public health establishments that carried out delivery or warehousing of medications (n = 4,938), in 465 municipalites, and the Federal District, in 43‘Health Regions’. The results show the existence of at least one management service supporting the health network, and warehousing of medications in all the regions (> 90%). It also showed the availability of at least one healthcare service, in healthcare locations, by pharmaceutical professionals is irregular between the Regions, being highest in the Southeastern Region (74.3%), and lowest in the Northeastern Region (43.3%). The results underpine the need for effective structuring of pharmaceutical assistance in the SUS networks, overcoming the current restrictive vision of its activities, which gives value almost exclusively to the logistical component of support to the network, to the detriment of the clinical component. It is also important to expand, and improve the quality of, the population’s access to medical drugs, and improve the quality of the healthcare offered to users of the system.
Licença: Ciência & Saúde Coletiva - This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License, which permits unrestricted use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited (CC BY 4.0). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017002401181&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 29 jan. 2018.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232017224.27042016
Aparece nas coleções:FAR - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_OrganizacaoServicosFarmaceutcos.pdf420,85 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir
ARTIGO_CommentsOrganizationPharmaceutical.pdf199,45 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.